Blogue de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes de Lisboa e arredores

Quarta-feira, 12 de Julho de 2017
WANDERLUST 108: LISBOA SERÁ PALCO DO PRIMEIRO TRIATLO MINDFUL DO MUNDO

Belém | Corrida, Yoga e Meditação | 8 de outubro

Bilhetes à venda

Wanderlust 108 chega finalmente a Portugal e vai passar por Lisboa, uma das mais de 60 cidades selecionadas para fazer parte do tour internacional de 2017. Patrocinado a nível mundial pela a adidas, o Wanderlust 108 terá lugar no dia 8 de outubro de 2017, no Campus da Fundação EDP | MAAT, em Belém. 

image002 (5).jpg

Ver o vídeo de apresentação.

Wanderlust 108 é um evento composto por uma corrida (ou caminhada) de 5 km, uma experiência de yoga única ao ar livre, e uma aula de meditação, guiada pelos melhores professores internacionais e nacionais. Mas há muito mais a acontecer neste dia pensado para libertar corpo e mente. Desde os DJ’s no palco principal, passando por atividades no relvado como hula hoop, yoga aéreo, e acroyoga, ao Kula Market (mercado de alimentação saudável e artesanato), e a uma zona de restauração, há muito que fazer quando não se está no tapete de yoga.  Professores, speakers e músicos reconhecidos a nível nacional e internacional completam o cartaz e prometem animar as mais de 2.000 pessoas esperadas no evento.

Pensado para todas as idades e gostos, Wanderlust 108 é um evento de Lifestyle que promove a atividade física e o contacto com a natureza, prometendo um dia repleto de atividades e “boas energias”.

Wanderlust 108 é produzido pela Wanderlust, o produtor dos maiores eventos de yoga e lifestyle do mundo, em parceria com a adidas.

"Estamos muito entusiasmados por trazer, para Lisboa, este grande evento internacional, o primeiro Triatlo Mindful do mundo e por poder proporcionar aos portugueses a sua primeira experiência Wanderlust. Esta é uma forma leve, inclusiva e divertida de conhecermos, e até de introduzirmos, o Mindfulness nas suas vidas. Temos a certeza que meditar ao ar livre, com milhares de pessoas, tendo o rio Tejo, o Museu da Eletricidade e o MATT como pano de fundo, será, certamente, uma experiência incrível, mesmo para quem nunca fez yoga ou meditação.”, refere Nuno da Silva Carvalho, CEO da SOMA, empresa responsável pela organização do evento Wanderlust em Portugal.

A missão da Wanderlust é ajudá-lo a encontrar o seu verdadeiro norte - para cultivar o seu melhor “eu”. Wanderlust 108 foi criado para apoiar essa missão em grande escala e fomentar o bem-estar individual e a mudança social positiva através da construção de uma grande comunidade, tendo efeitos positivos na sociedade, muito para além do próprio evento.

Bilhetes à venda em Eventbrite, Ticket Line, Worten, Fnac, El Corte Inglès, A.B.E.P. - a partir de 20 euros (early birds)



publicado por Carlos Gomes às 21:12
link do post | favorito

Terça-feira, 27 de Junho de 2017
VOLTA A PORTUGAL COMEMORA 90 ANOS

A Volta dos 90 anos

O maior acontecimento desportivo do verão português e um dos maiores símbolos de identidade nacional regressa às estradas de 4 a 15 de agosto.

VPST2017_Joaquim_Gomes_Diretor_Volta_Portugal (1).jpg

79ª Volta a Portugal Santander Totta, foi apresentada esta 2ª feira, 26 junho, no Teatro Thalia, em Lisboa.

Realizada a primeira vez em 1927, comemora 90 anos, mas está mais jovem do que nunca. A emblemática e marcante efeméride aumenta expetativas sobre a 79ª Volta a Portugal Santander Totta. Após três anos consecutivos a receber o final da competição, Lisboa vai assistir desta vez à Grande Partida no coração da cidade enquanto Viseu, em plena Feira de S. Mateus, irá brindar aos vencedores. Entre o prólogo e o pódio de consagração pedalam-se 1626,7 km numa exigente e desafiante edição com 30 prémios de montanha e 27 metas volantes.

Em anexo:

- Press Kit-79ª Volta a Portugal Santander Totta.doc

- Declaracao_Audio_Joaquim_Gomes_Caracterizacao_Etapa.mp3

- VPST2017_Homenagem_Municipios_Portugueses.jpg

- VPST2017_Joaquim_Gomes_Diretor_Volta_Portugal.jpg

O período de acreditação da 79ª Volta a Portugal Santander Totta estende-se de 26 junho a 17 de julho 2017.

Folha-de-Patrocinadores_21JUNHO (1).png

VPST2017_Homenagem_Municipios_Portugueses (1).jpg



publicado por Carlos Gomes às 10:11
link do post | favorito

Quinta-feira, 8 de Junho de 2017
REVISTA DE MARINHA DESTACA NÁUTICA DE RECREIO

Revista de Marinha – edição 997 – Náutica de Recreio

Em contagem decrescente para a sua 1000ª edição, a Revista de Marinha lança o nº997, referente aos meses de Maio e Junho de 2017.

RM_997 (1).jpeg

Esta edição, intitulada Náutica de Recreio, tem especial foco nos desportos náuticos, como a Vela, o Remo e o Surf, com destaque para uma entrevista com o surfista português Nic Von Rupp, que compete actualmente com a elite mundial.

A revista conta também com variados artigos, como a celebração dos 125 anos do Instituto de Socorros a Náufragos, criado com o patrocínio da Rainha D. Amélia, o Sines Tall Ships Festival, a Volvo Ocean Race e Boatyard Lisboa. Pode também ser lida nesta edição, a crónica de Rui Castilho sobre a sua volta ao Mundo no Veleiro Allegro.

Destaque ainda para artigos sobre o mergulho e a fotografia subaquática, para os curiosos e um importante artigo sobre os cuidados a ter com vítimas de hipotermia em contexto SAR (Search and Rescue), de leitura obrigatória para os apaixonados pelo mar.

Sempre com o olhar posto na actualidade náutica e marítima portuguesa, a revista traz aos seus leitores relances do passado e espreitadelas ao futuro, de interesse, não só para os afiliados das forças armadas, mas também para todos aqueles que se interessam pela temática do mar.

A Revista da Marinha é bimestral e cada edição tem o custo de 4,5€, podendo assinar as suas 6 edições anuais por 22,5€, através de assinaturas@revistadamarinha.com.



publicado por Carlos Gomes às 14:50
link do post | favorito

Quarta-feira, 31 de Maio de 2017
LISBOA RECEBE EVENTO DESPORTIVO INSPIRADO NOS JOGOS OLÍMPICOS

Record Challenge Park é um evento que conta já com a segunda edição e tem como objectivo promover o desporto, o convívio entre atletas e família e a vida saudável em Portugal. Para assinalar o Dia da Criança, o evento irá realizar-se este sábado, dia 3 de Junho, no Parque de Jogos 1º de Maio INATEL em Lisboa e tem entrada livre.

oajkoiejllghpken

No dia 3 de Junho todos os caminhos vão dar ao Record Challenge Park, um evento organizado pelo Jornal Record que vai encher o Parque de Jogos 1º de Maio INATEL com mais de 25 atividades desportivas que abrangem futebol, atletismo, basquetebol, andebol, golfe, ténis, padel, rugby, desportos radicais e tradicionais, batismo de mergulho, entre outros

O evento está de regresso este ano após o sucesso da edição de 2016, onde se reuniram mais de 8 mil pessoas no mesmo espaço do Inatel para passar um dia repleto de surpresas.

Inspirado nos Jogos Olímpicos, o Record Challenge Park, é um evento de um dia, com entrada gratuita e dedicado ao desporto, à competição, à família, ao fair-play e às atividades ao ar livre. Este evento comemora também o Dia da Criança, tendo atividades tanto para os pais e avós, como também para os mais pequenos - neste evento não há limite de idades e todos estão desafiados a dar o seu melhor, dos 3 aos 99 anos.

Uma organização que conta com o apoio das várias Federações Desportivas com modalidades representadas, bem como dos Comités Olímpico e Paralímpico

DIVERSAS ATIVIDADES DESPORTIVAS NUM ÚNICO LOCAL 

O programa do Record Challenge Park é composto por atividades que decorrem em sessões contínuas para que todos possam participar a qualquer hora. Estas encontram-se divididas entre atividades de competição e de animação, de forma a potenciar o saudável convívio entre atletas, famílias e a participação de todos.

Algumas atividades de competição exigem pré-inscrição no site uma vez que obrigam a organização de um torneio. 

Já as atividades livres apenas necessitam de inscrição no momento da participação (basta o participante estar presente no local e ter o seu Record Challenge Passport que é entregue gratuitamente à entrada do recinto).

Atividades de competição com pré-inscrição: Street Basket, Street Football, Padel, Ténis de Mesa e Street Handball.

Atividades de competição sem pré-inscrição: Remate mais forte, Corrida 100M, Toques na bola, Salto em Comprimento, Remate relâmpago.

Atividades de animação: Mini Ténis, Ténis, Rugby, Golfe, Pinturas faciais, Parede de escalada, Slide, Circuito de mini-golfe, Mergulho, Bubble Football, Insufláveis, Lacrosse, Orientação Desportiva, Jogos Tradicionais, Caça ao Tesouro, Fitness e Dança.

No recinto não faltará um Food Court com diversas opções para saciar a fome de vitória dos participantes

Record Challenge Park

Data: Sábado, 3 de Junho

Horário: Das 10h às 19h 

(o Secretariado para registo no evento e entrega dos Record Challenge Passport estará aberto das 8h às 20h)

Local: Parque de Jogos 1º Maio INATEL, Lisboa

Entrada gratuita

Mais informações no website ou na página de Facebook do evento



publicado por Carlos Gomes às 22:46
link do post | favorito

Segunda-feira, 29 de Maio de 2017
FRANÇA VENCE GRANDE PRÉMIO AUDI

António Matos Almeida em sexto e considerado melhor cavaleiro Português

O cavaleiro Francês Harold Boisset montando Quolita Z venceu, hoje a tarde, o Grande Prémio Audi, a prova rainha do 97º Concurso Internacional de Saltos de Lisboa (CSIO), que decorreu desde quinta-feira na Sociedade Hípica Portuguesa.

Harold_Boisset_1

Dos 58 conjuntos que entraram em pista, 14 tinham passagem para a segunda mão da prova. Entraram em pista 12 portugueses e foi Luís Sabino Gonçalves, António Matos Almeida e Hugo Carvalho que conseguiram acabar a prova com 0 pontos, garantindo presença na segunda mão. Duarte Seabra, Hugo Tavares, Norbert Ell e João Chuva terminaram a prova com 4 pontos não conseguindo ir à 2ª mão.

Harold Boisset foi o último conjunto a entrar na segunda mão e cumpriu a tradição de “os últimos são os primeiros”, saindo vitorioso num tempo imbatível de 42,06s. Quando questionado sobre o CSIO de Lisboa, o cavaleiro confidenciou que “a prova parecia muito difícil, mas saiu-me bem. Adorei a organização, é fantástica! Adoro o ambiente do concurso e o facto da Taça das Nações ter uma mão durante o dia e outra à noite faz com que seja único e especial.” No pódio seguiu-se o cavaleiro Italiano Filippo Codecasa, montando Go High della Bassanella que também acabaram com um duplo sem faltas num tempo de 44,30s. A fechar o pódio ficou o cavaleiro Francês Olivier Robert com Eros.

Os Portugueses António Matos Almeida e Luís Sabino Gonçalves penalizaram 4 pontos na segunda mão e ficaram em 6º e 8º, respectivamente. Já Hugo Carvalho penalizou 8 pontos na segunda mão, mas com um tempo rapidíssimo permitindo-o chegar ao 9º lugar.

Na primeira prova de hoje, último dia do CSIO, o Irlandês Michael Pender, com Laith, sagrou-se vencedor, com um percurso na segunda fase em 25,80 segundos e sem penalizações. O Espanhol Diego Perez Bilbao, com Quinty du Buisson terminaram segundo e em terceiro o Belga Jos Verlooy.

Os Portugueses João Chuva e António Matos Almeida alcançaram o 4º lugar e 5º lugar respectivamente. Classificaram-se ainda Rodrigo Giesteira de Almeida e Marina Frutuoso de Mello ex-aequo em 8º lugar com Elud e Cantano, respectivamente, e ainda em 10º lugar Francisca Vaz Guedes.

Jos Verlooy foi eleito o melhor cavaleiro do CSIO Lisboa 2017, enquanto António Matos Almeida ganhou a distinção para melhor atleta Português do evento e o seu cavalo Epicor da Gandarinha foi considerado o melhor cavalo nascido em Portugal do certame.

Harold_Boisset_2



publicado por Carlos Gomes às 00:39
link do post | favorito

Domingo, 28 de Maio de 2017
CSIO DE LISBOA: PORTUGAL COM 5 VITÓRIAS ATÉ AO MOMENTO

Portugal já conquistou 5 provas no CSIO de Lisboa, e desta vez foi António Matos Almeida com Irene van de Kwachthoeve a ganhar a prova patrocinada pela Inapa. A Prova de Dificuldades Progressivas foi renhida mas António Matos Almeida registou o melhor tempo (48,51s) batendo assim as britânicas Jessie Drea e Jemma Kirk, que ficaram em segundo e terceiro respectivamente. A prova ainda contou com João Pereira Coutinho em quarto lugar montando Nelson du Biolay e Marina Frutuoso de Melo em sétimo com Grupo Prom Calabis.

logocsio

Na prova a 1,50m, patrocinada pela Navigator, foram ao desempate 3 cavaleiros, dois franceses e o brasileiro Filipe Ramos Guinato. Saiu vencedora a francesa Alexandra Paillot, que foi um único zero do desempate em 42,32s. Em segundo ficou Filipe Ramos Guinato, com um tempo rapidíssimo de 40,06s mas com 4 pontos. Fechou o pódio o cavaleiro, também francês, Jean Michel Martinot que também com 4 pontos mas mais lento acabou em 44,51s

Já na prova de convidados de 1,15m foram as amazonas que dominaram o pódio da prova julgada por uma dificuldades progressivas.. Gabriela Lemos Torres destacou se no primeiro lugar, com Reve du Aubriers no tempo de 58,38s, seguida de Lua Queiroz Pereira com Eden d’Eden, em 67,69, ambas com pontuação máxxima, seguidas de, em terceiro lugar Matilde Bandeira de Melo, com Gwen Twist que acabou em 56,87s com 62 pontos.

Já na  prova de 1,20 foi Miguel Silva Santos com a sua montada Profil des Roches que bateu os restantes conjuntos com um tempo imbatível de 56,72s seguido de Nuno Xara Brasil Monteiro, montando Malice B’Neville que acabou em 60,77s. Esta prova contou apenas com estes dois conjunto com zero pontos.  

Realiza-se hoje às 15 horas o Grande Prémio Audi, prova qualificativa para o Campeonato da Europa 2017 e os Jogos Equestres Mundiais 2018. 

Com 57 conjuntos inscritos, conta com a participação de 13 conjuntos nacionais. As três edições anteriores foram ganhas por cavaleiros portugueses. João Chuva, destacou-se da edição de 2016 tendo sido o brilhante vencedor e Luís Sabino Gonçalves venceu as edições de 2015 e 2014. 

Siga os resultados em: 

http://csiolisboa.com/results/



publicado por Carlos Gomes às 12:07
link do post | favorito

Sábado, 27 de Maio de 2017
BÉLGICA VENCE TAÇA DAS NAÇÕES

A Bélgica foi a grande vencedora da Taça das Nações que conta para a Liga Nations Cup do Concurso de Saltos Internacional (CSIO) de Lisboa, no hipódromo do Campo Grande, com a seleção anfitriã a terminar em quarto lugar.

Team_Belgium

A prova, que qualifica para o Campeonato da Europa 2017, Jogos Equestres Mundiais 2018, contou com a participação de 9 países, com a Bélgica a terminar destacada na liderança.

Na primeira mão, dos quatro cavaleiros da Bélgica três fizeram percursos limpos e apenas um penalizou quatro pontos, que a equipa descartou. Na segunda mão, entraram apenas três cavaleiros, dos quais dois fizeram percursos limpos, e não sendo necessária a participação do quarto conjunto.

A Bélgica ganhou assim com 4 pontos, à frente da Espanha, com 21, da França com 24 e Portugal e Irlanda com 25 pontos, que repartiram o quarto lugar.

Por Portugal competiram António Matos Almeida (Epicor da Gandarinha), Duarte Seabra (Fernhill Curra Quinn), Luís Sabino Gonçalves (Acheo Di San Patrignano) e Mário Wilson Fernandes (Stroudwood Eldarado).

O 97.º CSIO de Lisboa prossegue sábado e no domingo pelas 15h00, terá lugar o Grande Prémio Audi, que vai distribuir em prize money €40 mil.

Segue em anexo uma imagem da equipa vencedora - Bélgica
(legenda: Nicola Philippaerts, Constant Van Paesschen, Jos Verlooy, Fabienne Lange, Chef D'equipe Peter Weinberg)

Foto: Nuno Pragana/Imagemedia



publicado por Carlos Gomes às 00:54
link do post | favorito

Sexta-feira, 26 de Maio de 2017
PORTUGAL SOMA E SEGUE EM FORMA PARA A TAÇA DAS NAÇÕES CSIO LISBOA

Os portugueses entraram a todo o gás e venceram quatro das cinco provas que já decorreram no Hipódromo do Campo Grande.

Ontem foi Duarte Seabra e Luís Sabino Gonçalves que venceram as provas inaugurais do CSIO, e hoje foi a vez de Marina Frutuoso de Melo. Foi a grande vencedora da prova de 1,40m montando Cantano num tempo de 24.00 segundos.

Marina_Frutuoso_Melo_1

Já na prova de 1,45m, patrocinada pelo Horto do Campo Grande, foi o cavaleiro português, sediado na Holanda, Rodrigo Giesteira de Almeida que triunfou, na sela de Elud, um KWPN de oito anos. A prova contou com 47 participantes, e 13 foram ao desempate onde Rodrigo Giesteira de Almeida se destacou da concorrência com um tempo de 37.71s, seguido do cavaleiro português Mário Wilson Fernandes com um tempo de 38.77s e a fechar o pódio foi a cavaleira francesa Alexandra Paillot montando Lumina com 39.00s.

O evento de entrada livre decorre até domingo e hoje, a partir das 18h realiza-se a TAÇA DAS NAÇÕES, prova de equipas que contará para a Liga Nations Cup e será disputada por 9 equipas.

Os vencedores das duas primeiras provas de ontem, Duarte Seabra e Luís Sabino Gonçalves, integram hoje a equipa que representará Portugal na Taça das Nações contando ainda com António Matos Almeida e Mário Wilson Fernandes. As outras equipas a disputar a Taça das Nações são: Bélgica, França, Coreia, Itália, Espanha, Inglaterra, Luxemburgo, e Irlanda.

De relembrar que a última prova do evento acontece domingo com o Grande Prémio Audi (dia 28 às 15h00), e é qualificativo para o Campeonato da Europa 2017 e para o Jogos Equestres Mundiais de 2018.

Siga os resultados do CSIO em:http://csiolisboa.com/results/

Marina_Frutuoso_Melo_2

Rodrigo_Giesteira_Almeida_1

Rodrigo_Giesteira_almeida_2



publicado por Carlos Gomes às 21:54
link do post | favorito

MONTIJO CAMINHA PELA ARTE

Não são muitas as ocasiões em que o desporto se alia à cultura.

Contudo, quando tal acontece, o sucesso e o conhecimento juntam-se em momentos ímpares.

unnamed

E está a chegar uma dessas oportunidades, a “dois passos” de Lisboa, mais propriamente em Canha, a maior das freguesias do concelho do Montijo.

Num ambiente rural e pacato, mas com enorme história, terá lugar na secular povoação de Canha a “Corrida pela Arte”, uma iniciativa da Santa Casa da Misericórdia e que tem como objectivo angariar fundos e apoios para instalar ali a Casa Museu de arte naif, e que terá lugar no dia 4 de Junho próximo.

Tendo já criado o Grupo Gastronómico São Sebastião – Sabores e Saberes da Terra - Canha , que fez a recolha das receitas da região, que estão na memória dos mais idosos, e ainda o Rancho Folclórico e Etnográfico São Sebastião, Dança e Cantares da Freguesia de Canha, a realização desta corrida tem um objectivo prático, como adiantámos, a instalação de uma Casa museu de arte naif.

Pretende a organização, «promover um evento relacionado com Arte Naif e hábitos saudáveis, com a intenção de aliar a prática de desporto com arte e tradições. Sendo a arte naif uma expressão popular de arte, gostaríamos que esta corrida fosse um ponto de partida para promover as tradições da comunidade Canhense, não esquecendo a promoção dos hábitos saudáveis, contribuindo, assim, para a melhoria da auto estima da comunidade».

Por isso, o percurso passará por  pontos estratégicos do património da Vila, incluindo parte do  caminho para observação de pássaros, percurso esse, que faz parte de um projecto que a Instituição  tem em desenvolvimento que passa por, em simultâneo, proporcionar visitas na vila e na natureza  e estimular a memória dos utentes que,  de diversas formas  se expressam  relativamente a este aspecto.

Os participante da prova aliarão ainda esse momento desportivo às tradições da terra e para além da garrafa de vinho da região, oferecido a cada dos que terminarem, são convidados para um almoço típico, constituído por uma sopa tradicional da Vila e porco no espeto, que será servido no salão da Santa Casa no centro da Vila.

O preço mais baixo de inscrição termina já no próximo domingo (dia 28) e ainda há vagas nas inscrições para um agradável momento de festa, numa região muito perto da Grande Lisboa.



publicado por Carlos Gomes às 21:37
link do post | favorito

MARCAS ASSOCIAM-SE AO CSIO DE LISBOA - HIPISMO - MODALIDADES

Mais de uma dezena de marcas associaram-se ao CSIO de Lisboa, aquele que é o mais antigo concurso no mundo realizado no mesmo local e que conta com a presença de 85 cavaleiros de 17 nacionalidades.

image001asicoooo

As marcas como AUDI, Navigator, Inapa, Horto do Campo Grande, Arnaud, Equievents, Vista Alegre, e a Câmara Municipal de Lisboa, quiseram garantir presença e apoiarem este evento que é uma referência no calendário equestre internacional e no calendário turístico da capital portuguesa.

O evento de entrada livre decorre até domingo no Hipódromo do Campo Grande e conta com a TAÇA DAS NAÇÕES, prova de equipas que contará para a Liga Nations Cup que se realiza hoje a partir das 18h00 e será disputada por 9 equipas,incluíndo Portugal.

Os vencedores das duas primeiras provas de ontem, Duarte Seabra e Luís Sabino Gonçalves, integram hoje a equipa que representará Portugal na Taça das Nações contando ainda com António Matos Almeida e Mário Wilson Fernandes. As outras equipas a disputar a Taça das Nações são: Bélgica, França, Coreia, Itália, Espanha, Inglaterra, Luxemburgo, e Irlanda.

Estes próximos dias vão ser dias de um espectáculo desportivo de alto nível. Ao assistir ao CSIO de Lisboa vai testemunhar momentos inesquecíveis, com os melhores cavaleiros da actualidade. 

De relembrar que a última prova do evento acontece domingo com o Grande Prémio Audi (dia 28 às 15h00), e é qualificativo para o Campeonato da Europa 2017 e para o Jogos Equestres Mundiais de 2018.



publicado por Carlos Gomes às 16:16
link do post | favorito

Quinta-feira, 25 de Maio de 2017
PORTUGUESES ENTRAM A GANHAR NO CSIO DE LISBOA

Duarte Seabra e Luís Sabino Gonçalves vencem provas inaugurais do concurso

O Concurso de Saltos internacional Oficial de Lisboa, de entrada livre, que decorre até domingo na Sociedade Hípica Portuguesa, começou da melhor forma para os cavaleiros portugueses.

Duarte_Seabra_vencedor prova1

Na prova inaugural, com uma altura de 1.40m, patrocinada pela Arnaud, Duarte Seabra com a sua montada Axelle M Z venceu a prova, tendo realizado a prova sem faltas num tempo que se revelou imbatível de 56,01 segundos. Em segundo ficou a inglesa Jemma Kirk com Tchoupi Pironniere (0/ 56.10s) seguida da amazona portuguesa Francisca Vaz Guedes com LB Caillou (0/ 57.29s).

Na segunda prova do dia, de 1.45m que contou com o apoio da Vista Alegre, foi a vez do cavaleiro Luís Sabino Gonçalves subir ao primeiro lugar do pódio com a sua montada Teck de Riverland. Em segundo ficou o cavaleiro Espanhol Diego Perez Bilbao, e em terceiro o cavaleiro irlandês Michael Pender.

Ambos os vencedores das duas primeiras provas, estão selecionados para a equipa que representará a equipa das quinas na Taça das Nações que se realiza amanhã a partir das 18h.

Este é o mais antigo concurso no mundo realizado no mesmo local e conta com a presença de 85 cavaleiros de 17 nacionalidades. O CSIO de Lisboa que é uma referência no calendário equestre internacional e no calendário turístico da capital portuguesa, tem como Chefe de Pista o Internacional português Bernardo Costa Cabral, um dos técnicos mais credenciados no mundo, tendo já feito parte de duas Olimpíadas, etapas da Taça do Mundo, bem como Campeonatos da Europa.

Siga os resultados do CSIO em: http://csiolisboa.com/results/

Luis_Sabino_Goncalves_1vencedor prova2

Luis_Sabino_Goncalves_2vencedor_prova2

Duarte_Seabra_1vencedor prova1



publicado por Carlos Gomes às 20:42
link do post | favorito

Quarta-feira, 24 de Maio de 2017
LISBOA ESTÁ NO RANKING MUNDIAL DAS CIDADES DESPORTIVAS

Apresentação do Concurso de Saltos Internacional Oficial de Lisboa

O Hipódromo do Campo Grande apresentou hoje à imprensa a 97ª edição do Concurso de Saltos Internacional Oficial que decorre entre quinta-feira (25 de maio) e domingo (28 de maio) e que conta com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa.

Conf Imprensa

O CSIO de Lisboa, com entrada livre, é uma referência no calendário equestre internacional e no calendário turístico da capital portuguesa e, por isso, divulgado em todo o Mundo, o que por si só faz com que Portugal e, sobretudo, Lisboa, desfrute de uma enorme projeção a nível Mundial. Este ano conta com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa, que assumiu recentemente a sua candidatura a Capital Europeia do Desporto 2021.

Jorge Máximo, Vereador do Desporto da CML, Jorge Máximo acrescenta que “quase centenário, o CSIO de Lisboa é uma competição de alta qualidade que consideramos uma excelente montra para promover internacionalmente o potencial da nossa cidade entre os amantes do desporto a cavalo. Esta é também a ambição de Lisboa, Capital Europeia do Desporto em 2021.”

Estima-se que no último ano o desporto teve um impacto de cerca de 100 milhões de euros na cidade de Lisboa e, neste âmbito, Jorge Máximo destaca que “Lisboa é das poucas capitais europeias que se pode orgulhar de possuir um hipódromo de excelente qualidade em pleno coração da cidade. O desporto equestre e a tradição hípica têm uma força enraizada na nossa cidade bem refletidas na intensa atividade desportiva e social anual da Sociedade Hípica Portuguesa.”

A candidatura é o reconhecimento da importância de Lisboa na promoção da prática desportiva, e José Manuel Figueiredo, Presidente da Sociedade Hípica, destaca que “eventos como o CSIO contribuem para provar que Lisboa está à altura deste desafio.”



publicado por Carlos Gomes às 21:06
link do post | favorito

Sábado, 1 de Abril de 2017
CLUBE FUTEBOL BENFICA É O DECANO DO FUTEBOL LISBOETA

Fundado no longínquo ano de 1895 sob a denominação Grupo Foot-ball Benfica, o Clube Futebol Benfica é o mais antigo clube da modalidade em Lisboa, a assinalar neste momento 122 anos de existência.

17203_501704399890598_377180055_n.jpg

Em 1933, por imposição da Constituição da República Portuguesa que o Estado Novo acabara de aprovar, foi a sua denominação alterada para Clube Futebol Benfica, designação que mantém até à actualidade.

Carinhosamente apelidado de “Fofó”, o Clube Futebol Benfica possui um palmarés invejável, tendo ao longo da sua existência conquistado importantes títulos nas mais diversas modalidades mas com especiel incidência no hóquei em patins e no hóquei em campo. Mas a colectividade dispõe de mais de um milhar de atletas distribuídos por várias modalidades, entre as quais o futebol, futebol feminino, futebol de praia, atletismo, ginástica, karaté, patinagem artística, capoeira e tai-chi, para além das anteriormente mencionadas. O “Fófó” é também a colectividade organizadora da marcha popular de Benfica.

O seu estádio, situado no bairro de Santa Cruz de Benfica, ostenta o nome de Francisco Lázaro em homenagem ao atleta que em Estocolmo, no âmbito dos Jogos Olímpicos de 1912, sucumbiu durante a prova da maratona.

Apesar da grandiosidade do seu vizinho Sport Lisboa e Benfica, o Clube Futebol Benfica é porventura o mais acarinhado pelos habitantes daquela zona de Lisboa.

10888662_824276987633336_5794604246791464640_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 22:54
link do post | favorito

Quinta-feira, 16 de Março de 2017
ISA SEBASTIÃO, RECORDISTA MUNDIAL DE SURF ANGARIA FUNDOS PARA A ASSOCIAÇÃO JORGE PINA

Recordista mundial vai estar 8 horas na prancha para angariar fundos para Associação Jorge Pina

26 de março | das 09:30 às 17:30 | Pista de Canoagem do Estádio Nacional - Jamor

Isa Sebastião, recordista mundial da maior distância percorrida em 24 horas numa prancha de SUP, vai participar no SUP Gives Back, um evento solidário de angariação de fundos para a Associação Jorge Pina.

surfff.jpg

Isa Sebastião vai estar 08 horas a remar na Pista de Canoagem e desafia os portugueses a juntarem-se a ela para remar ou apenas para apoiar. O valor da inscrição (6€) no evento desportivo reverte na totalidade para a Associação Jorge Pina.

A ação é organizada pelo Windspirit Club, que cede o equipamento necessário para quem queira participar e não tenha o material. Quem já tem o material, apenas tem que se inscrever e entrar na água para se juntar à Isa e dar 3 voltas à pista. Quem não queira fazer SUP também poderá participar na ação de solidariedade a correr, andar ou de bicicleta.

A Associação Jorge Pina tem neste momento como um dos seus maiores projetos a 1ª Escola de Atletismo Adaptado de Portugal. O projeto pretende dar formação desportiva (atletismo) gratuita a crianças e jovens com necessidades de saúde especiais. Sendo os seus objetivos principais: Promover a inclusão pelo desporto, melhorar o desenvolvimento através do estímulo à autonomia e independência e desenvolver habilidades motoras funcionais.



publicado por Carlos Gomes às 21:40
link do post | favorito

Terça-feira, 7 de Março de 2017
PORTUGAL RECEBE FESTIVAL INTERNACIONAL DE BALONISMO

RUBIS GÁS UP TRAZ 35 BALÕES A CORUCHE 28 MARÇO A 2 ABRIL 2017 CORUCHE, PORTUGAL

Entre os dias 28 de Março e 2 de Abril de 2017, os céus da pacata vila ribatejana de Coruche, em Santarém, vão encher-se de cor e fantasia. É esta a proposta da Rubis Gás, patrocinador principal, e da Windpassenger, empresa organizadora da primeira edição do Rubis Gás UP — Festival Internacional de Balonismo Coruche

primage_18646 (1).png

Com o apoio das instituições locais como a Câmara Municipal de Coruche e o Turismo do Alentejo e Ribatejo, bem como das empresas Paladin, Arroz Cigala, Delta Café, Aero Club de Portugal, TAP Portugal, SACOB Seguros, e da Quercus, o Festival já confirmou 35 equipas oriundas de todo o Mundo, como Brasil, Espanha, França, Alemanha, Luxemburgo, Holanda, Inglaterra e, claro, Portugal.

Se um balão regular já impressiona pela sua imponente dimensão, imagine um céu repleto de figuras invulgares, como balões em forma de mota, dragão marinho, pelicanos, gelados, piratas, garrafas de gás, etc. O céu é o limite da imaginação na hora de criar um balão de formato especial. E nos céus de Coruche vão desfilar alguns dos mais originais e surpreendentes exemplares do Mundo!

Através do website www.rubisgasup.com poderá ainda ajudar a plantar uma árvore nesta região de Portugal e ganhar um voo de balão de ar quente. Ao comprar um sobreiro ou pinheiro, que será plantado no Município de Coruche, recebe uma viagem grátis de balão com duração estimada de 1h/1h30. Parte da receita reverterá a favor da organização ambiental portuguesa QUERCUS, uma ação integrada na política de sustentabilidade do Festival.

Durante o dia de sábado, 1 de abril, será transmitido em direito a partir do recinto do festival, o programa de televisão “AQUI PORTUGAL”, da RTP, entre as 14h30 e as 20h.

Em simultâneo com os passeios de balão, irão realizar-se atividades lúdicas para crianças e toda a família, no Parque do Sorraia, na zona envolvente da Praça de Touros, como uma feira de artesanato, caminhadas, street food para todos os gostos e o espetáculo noturno de luz dos balões com música (Night Glow).

Ao longo deste mês, fique atento aos passatempos na página de Facebook Rubis Gas UP e da Windpassenger e habilite-se a ganhar viagens de balões de ar quente!

Vamos estar na BTL - Visite-nos e pode habilitar-se a ganhar uma viagem de balão para voar no Festival Rubis Gás Up!

WINDPASSENGER | Voar sem Asas

Na Windpassenger amamos o que fazemos. Quantas pessoas poderão dizer que passam o dia a passear pelo céu?

Desde 1987 temos experiência a sobrevoar de balão Portugal, Açores, Madeira, Holanda, Espanha, França, Suíça, Emirados Árabes Unidos, Marrocos e Angola. Criámos a marca Windpassenger para poder partilhar esta sensação incrível de subir em altitude a bordo de um balão de ar quente.

Somos uma empresa com a cabeça nas nuvens e os pés bem assentes no chão. Porque gostamos de ir mais alto e proporcionar os melhores momentos de lazer e diversão. Desde 2004 já voámos mais de 24.000 pessoas com a nossa equipa de pilotos experientes, bem-dispostos e altamente qualificados.

Somos uma empresa portuguesa dedicada em exclusivo ao transporte de passageiros em balão de ar quente, com todos os certificados, seguros e licenças da EASA (European Aviation Safety Agency) e inspecionada anualmente por uma empresa CAMO (Continuing Airworthiness Management Organisation). Tudo para lhe garantir a máxima qualidade e segurança, desde o primeiro momento.

A Windpassenger está habilitada para voar de balão em todo o país, tendo como principais pontos de descolagem:

- Coruche/Ribatejo (sede Windpassenger)

- Lisboa/Vale do Tejo

- Setúbal/Troia

- Montemor-o-Velho/Centro

- Porto/norte

- Alentejo

- Algarve

www.windpassenger.pt



publicado por Carlos Gomes às 22:16
link do post | favorito

Terça-feira, 20 de Dezembro de 2016
GELPEIXE É MUITO MAIS QUE PEIXE!

Gelpeixe recebeu em casa equipa do Estoril Praia para almoço de Natal. Parceria assinada por mais duas épocas

O Estoril Praia Futebol SAD renova parceria para as próximas duas épocas (2017/2018 e 2018/2019) com a Gelpeixe. O acordo foi formalizado ontem durante a visita e a realização de um almoço de Natal com os jogadores, a equipa técnica e o presidente da SAD nas instalações da Gelpeixe, em Loures.

Estoril Praia visita Gelpeixe5.jpg

No âmbito da parceria, a Gelpeixe será também sponsor em exclusivo do novo placar eletrónico, que estreou no último jogo do campeonato com o Benfica.

A Gelpeixe e a Estoril Praia Futebol SAD assinaram no verão passado pela primeira vez um acordo de patrocínio para a época 2016/2017, tendo a empresa passado a estar presente nas camisolas da equipa da Liga NOS. A parceria garantiu a presença da marca Gelpeixe na publicidade do estádio, zona mista e redes sociais do Estoril Praia. A Gelpeixe disponibiliza ainda bilhetes e autocarro aos colaboradores da empresa para apoiarem a equipa no estádio António Coimbra da Mota.

Manuel Tarré, presidente da Gelpeixe sublinha que «este encontro permite aos colaboradores da Gelpeixe e equipa estreitarem e firmarem o seu apoio e a colaboração num ambiente informal e de encontro entre culturas empresarial e desportista».

Frederico Pena, presidente da Estoril Praia SAD, destaca, por seu turno, que “é de extrema importância para a cultura do Estoril Praia que a relação com os nossos parceiros, em particular com a Gelpeixe, se estenda muito para além do apoio e presença no estádio. Esta relação de proximidade permite dar aos nossos jogadores, equipa técnica e staff uma visão da realidade empresarial fora dos relvados e aproximar-nos de quem efetivamente nos apoia.”

Sobre a Gelpeixe

Liderada pelo comendador Manuel Tarré, a Gelpeixe é uma empresa de origem familiar e de capital 100% português, líder no setor alimentar que se dedica à transformação e comercialização de alimentos ultracongelados. A Gelpeixe está presente em três continentes – Europa, África e Ásia e o sucesso da empresa deve-se aos cerca de 170 trabalhadores. Rigorosos padrões de qualidade de seleção de fornecedores e das matérias primas fazem da Gelpeixe uma empresa de referência no mercado nacional e internacional.

geleipeix (1).jpg



publicado por Carlos Gomes às 20:27
link do post | favorito

Sexta-feira, 18 de Novembro de 2016
JOÃO KOPKE APRESENTA BUONDI EXPRESS NO CINEMA SÃO JORGE EM LISBOA

Festival de cinema Surf At Lisbon (SAL)

João Kopke será uma das figuras de destaque do Festival SAL- Surf At Lisbon 2016. O surfista de Carcavelos vai estar dia 18 de novembro, no cinema São Jorge, pelas 19h30, a abrir o dia de festival com a apresentação do Buondi Express Challenge, projeto que está a produzir em parceria com a marca portuguesa de cafés torrados — que lhe lança o divertido desafio de trocar de profissão com pessoas que nada têm a ver com o surf, como um pescador ou um ‘chef’ de sushi. Mas além do produto desta colaboração, Kopke traz também o teaser daquilo que define apenas como o “projeto 2017”.

Um “teaser” na verdadeira aceção da palavra, com o próprio Kopke a levantar muito pouco o véu do que está a planear para o ano.

“Posso dizer que estou cheio de ideias para 2017 e, em conjunto com a equipa com quem trabalho, a White Flag Productions, a desenvolver a minha visão muito particular do que é o surf. E isso passa pela viagem, pelo sonho e pela arte, pelo surf enquanto mais que um passatempo ou um desporto mas, antes, uma forma de expressão tão nobre como a poesia, a música ou a dança.”

João Kopke, de 21 anos, é uma personagem ‘sui generis’ no surf nacional, conjugando um currículo competitivo riquíssimo com títulos nacionais em todos os escalões de esperanças e a presença no top 16 nacional Open, com o estudo de contrabaixo e canto lírico no Conservatório de Lisboa. Uma variedade de talentos que se reflecte nas suas webseries Bored e Desfiltrado. Esta última, uma incursão “sem filtros” nos bastidores da Liga Moche, o Nacional de Surf Open.



publicado por Carlos Gomes às 14:37
link do post | favorito

Sábado, 12 de Novembro de 2016
LISBOETAS AGRADECEM AOS DADORES DE TRANSPLANTES

Corrida e Caminhada de Agradecimento ao Dador - 01 Dezembro

O Grupo Desportivo de Transplantados de Portugal (GDTP) irá realizar a I Corrida & Caminhada Solidária de Agradecimento ao Dador no dia 01 de Dezembro no Parque das Nações, com o apoio do IPDJ, I.P. e em parceria com a Junta de Freguesia do Parque das Nações e a Associação de Atletismo de Lisboa.

lisbdador.jpg

Inscreva-se já!

A Corrida & Caminhada Solidária de Agradecimento ao Dador tem como objectivo não só agradecer ao dador de órgãos e sensibilizar as pessoas para a doação de órgãos, mas sobretudo incentivar e consciencializar para a importância da prática de exercício físico na sua população específica e na população em geral.

A Corrida & Caminhada de Agradecimento ao Dador reverte a favor do GDTP - Grupo Desportivo de Transplantados de Portugal e destina-se a apoiar o desenvolvimento do plano de actividades para a promoção do exercício físico e do desporto na população transplantada e candidata a transplante, nomeadamente nas áreas da educação, formação, investigação, lazer e competição.

Caso pretenda mais informações sobre esta atividade remeta-nos um email para geral@we-run.pt que remeteremos uma apresentação detalhada do evento.

A equipa,

WE-RUN



publicado por Carlos Gomes às 19:33
link do post | favorito

Segunda-feira, 3 de Outubro de 2016
JOGOS DE TABULEIRO POTENCIAM RACIOCÍNIO LÓGICO E TRABALHO DE EQUIPA EM ALUNOS

Os jogos de tabuleiro ajudam a ampliar a memória e a desenvolver o raciocínio lógico em crianças e adultos.

primage_17246 (1).png

Vários estudos comprovam o benefício deste tipo de atividade em jovens em idade escolar, podendo mesmo potenciar o gosto por áreas como a Economia, a Engenharia e as Ciências Naturais.

Ricardo Biscaia, docente e investigador da UPT na área de Economia, salienta ainda o caráter lúdico dos jogos de tabuleiro.

“Está nos genes da criança a necessidade de se divertir de forma descomplexada - algo que nós adultos temos já dificuldade de fazer. No entanto, os jogos de tabuleiro possibilitam esta diversão enquanto fortalecem o raciocínio lógico e criativo da criança, o que certamente trará dividendos ao nível escolar; e enquanto promovem a sua interação com outras crianças e adultos, o que entra em contraciclo com uma era em que temos cada vez mais crianças e jovens adultos incapazes de encontrar diversão e interação social fora do tablet, do telemóvel ou do computador", refere o docente.

Já Pedro Silva, presidente do grupo Boardgamers Porto, realça o desenvolvimento de competências no âmbito da cooperação, do trabalho de equipa e na tomada de decisões.

“Os jogos de tabuleiro funcionam como um ginásio para o cérebro onde, consoante o tipo de jogo, se podem desenvolver diferentes competências. Por exemplo, nos jogos de estratégia desenvolvemos o raciocínio lógico, enquanto que os jogos de personagens potenciam o trabalho de equipa”, salientou o responsável.

No sentido de potenciar o interesse por este tipo de jogos, a Universidade Portucalense acolhe, entre os dias 7 e 9 de outubro, a 10ª edição do InvictaCon.

Este encontro nacional de jogos de tabuleiro, organizado pelo Boardgamers Porto, a decorrer durante sexta-feira e sábado das 10h00 às 02h00 e domingo das 10h00 às 20h00, é destinado a todas as faixas etárias, numa iniciativa que promete divulgar centenas de jogos, desde os de estratégia modernos, passando pelos clássicos e pelos de personagens.

De entrada livre, a participação no InvictaCon pode traduzir-se num momento lúdico, ideal em família ou com os amigos, onde o único requisito será pensar um pouco para divertir-se muito.

No final do evento, o Boardgamers Porto irá doar uma ludoteca a uma instituição de apoio social a crianças.

A Universidade Portucalense Infante D. Henrique (UPT) é um estabelecimento de ensino superior cooperativo que iniciou a sua atividade em 1986.

A UPT funciona exclusivamente na cidade do Porto, no pólo Universitário da Asprela, ministrando cursos nas sete áreas seguintes: Direito, Economia, Gestão, Informática, Psicologia, Educação, Turismo e Hospitalidade, Património e Cultura.

board-game-933165 (1).jpg



publicado por Carlos Gomes às 10:42
link do post | favorito

Terça-feira, 26 de Julho de 2016
GARRETT MCNAMARA DÉ AULAS DE SURF

Aulas de surf para “todos” de norte a sul do país

2ª edição Buondi Surf Sessions com Garrett McNamara e SURFaddict

29 julho | 15h30 | Praia da Vila, Nazaré

Depois do enorme sucesso da 1ª edição do projeto Buondi Surf Sessions,Buondi volta a oferecer aulas de surf com a participação de Garrett McNamara, de norte a sul do país. Este ano, a 2ª edição do projeto Buondi Surf Sessions vai ainda mais longe com a parceria com a SURFaddict(Associação Portuguesa de Surf Adaptado), que vai permitir às pessoas com mobilidade reduzida experimentar esta modalidade.

Entre 26 de julho e 7 de agosto, o Buondi Surf Sessions vai percorrer 8 praias do país – de Matosinhos ao Algarve – oferecendo aulas à população e a várias instituições.

Próxima Buondi Surf Session:

29 julho – Praia da Vila, Nazaré

Aulas de Surf com Garrett McNamara e SURFaddict:

15:30 – Crianças e jovens da CERCINA e da Associação de Bem Estar Social e Recreativo de Alpedriz

16:30 – Aberta à população



publicado por Carlos Gomes às 18:33
link do post | favorito

Quarta-feira, 20 de Julho de 2016
CAFÉS “BUONDI” OFERECEM AULAS DE SURF PARA “TODOS” DE NORTE A SUL DO PAÍS

2ª edição Buondi Surf Sessions com Garrett McNamara e SURFaddict

Depois do enorme sucesso da 1ª edição do projeto Buondi Surf Sessions, Buondi volta a oferecer aulas de surf, de norte a sul do país, a quem nunca ousou ou teve oportunidade de experimentar ou até mesmo a quem quer experimentar pela segunda vez.

logo_surf sessions2nd (2).png

Começou com um projeto-piloto, em 2015, e este ano a 2ª edição do projeto Buondi Surf Sessions vai ainda mais longe com a parceria com a SURFaddict (Associação Portuguesa de Surf Adaptado), que vai permitir às pessoas com mobilidade reduzida experimentar esta modalidade. “A SURFaddict pretende criar um movimento que permita às pessoas com deficiência desfrutarem do mar, proporcionando-lhes maior bem-estar físico e mental, bem como atenuar a barreira de exclusão. Ficamos muito satisfeitos com esta parceria e com o apoio da Buondi, é muito bom saber que as marcas portuguesas apoiam esta causa e nos permitem chegar mais longe e a mais pessoas” refere Nuno Vitorino, Presidente SURFaddict.

Além de proporcionar uma experiência intensa, o projeto Buondi Surf Sessions visa também divulgar o surf, desporto que tem vindo a angariar cada vez mais fãs. Com este intuito, o projeto, que conta com a participação de Garrett McNamara e apoio da SURFaddict, assenta na oferta de aulas à população em geral mas também a crianças e jovens institucionalizados e/ou com necessidades especiais.

Entre 26 de julho e 7 de agosto, o Buondi Surf Sessions vai percorrer oito praias do país – de Matosinhos ao Alentejo – oferecendo aulas à população e a várias instituições.

Estas aulas contarão com um professor muito especial: Garrett McNamara, cara da marca portuguesa de cafés torrados promotora da iniciativa. A lenda mundial de surf reconhece a enorme satisfação que este projeto lhe traz pela segunda vez: “Sempre quis criar um projeto deste género, que me permitisse levar a experiência do surf a quem nunca teve essa oportunidade, em especial às crianças. Fiquei muito feliz pela oportunidade que Buondi me deu no ano passado e por poder repeti-la este ano. Espero que este projeto se mantenha por muitos mais anos”.

Para Teresa Roseta, Responsável de Marketing da área de Cafés e Bebidas da Nestlé, esta iniciativa “vem na continuidade daquele que tem sido desde sempre o posicionamento da marca, que está ao lado do surf há mais de 25 anos”, acrescentando que “depois do sucesso da 1ª edição das Buondi Surf Sessions, não poderíamos deixar de dar continuidade a este projeto que proporciona mais uma experiência única e intensa a muitas pessoas, convidando-as a expressarem-se intensamente, encorajando-as a viverem também de forma intensa e apaixonada.”

Sempre presente nos momentos de partilha e convívio dos portugueses, em particular nas praias e esplanadas, Buondi está no território do surf desde 1989 - data do primeiro campeonato mundial de surf realizado em Portugal, o “Buondi Instinct Pro”.

AGENDA BUONDI SURF SESSIONS 2016

26 julho – Praia de Carcavelos, Lisboa

Aulas de Surf com Garrett McNamara e SURFaddict:

10:30 – Crianças e jovens da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa

11:30 – Aberta à população

27 julho – Praia Troia - Bico das Lulas Setúbal

Aulas de Paddle Surf com Garrett McNamara:

10:30 – Crianças e jovens Instituição de Solidariedade Social

11:30 – Aberta à população

29 julho – Praia da Vila, Nazaré

Aulas de Surf com Garrett McNamara e SURFaddict:

15:30 – Crianças e jovens Instituição de Solidariedade Social

16:30 – Aberta à população

2 agosto – Praia de Matosinhos, Porto

Aulas de Surf com Garrett McNamara:

10:00 – Crianças e jovens Instituição de Solidariedade Social

11:00 – Aberta à população

3 agosto – Praia do Cabedelo, Figueira da Foz

Aulas de Surf com Garrett McNamara:

09:30 – Crianças e jovens Instituição de Solidariedade Social

10:30 – Aberta à população

4 agosto – Praia da Foz do Lizandro, Ericeira

Aulas de Surf com Garrett McNamara:

09:30 – Crianças e jovens Instituição de Solidariedade Social

10:30 – Aberta à população

5 agosto – Praia Grande, Sintra

Aulas de Surf com Garrett McNamara:

09:30 – Crianças e jovens Instituição de Solidariedade Social

10:30 – Aberta à população

6 agosto – Praia de São João, Costa da Caparica

Aulas de Surf com Garrett McNamara:

10:00 – Crianças e jovens Instituição de Solidariedade Social

11:00 – Aberta à população

7 agosto – Praia do Amado, Alentejo

Aulas de Surf com Garrett McNamara:

10:00 – Crianças e jovens Instituição de Solidariedade Social

11:00 – Aberta à população

Pode consultar a agenda em: https://www.facebook.com/BuondiCaffe



publicado por Carlos Gomes às 19:28
link do post | favorito

Domingo, 10 de Julho de 2016
PORTUGAL É CAMPEÃO DA EUROPA!

13592832_1190270024345889_121298232610898388_n (2).jpg



publicado por Carlos Gomes às 22:53
link do post | favorito

Quinta-feira, 2 de Junho de 2016
LISBOA RECEBE RECIRD CHALLENGE PARK

Record Challenge Park reúne mais de 25 desportos para experimentar gratuitamente

No dia 4 de Junho todos os caminhos vão dar ao Record Challenge Park, um evento organizado pelo Jornal Record que vai encher o Parque de Jogos 1º de Maio INATEL com mais de 25 atividades desportivas e muita animação. Uma organização que conta com o apoio das várias Federações Desportivas com modalidades representadas, bem como dos Comités Olímpico e Paralímpico.

ZwpEyl9J7V0HOVwuuarM

Inspirado nos Jogos Olímpicos, o Record Challenge Park, é um evento de um dia, com entrada gratuita e dedicado ao desporto, à competição, à família, ao fair-play e às atividades ao ar livre. Neste evento não há limite de idades e todos estão desafiados a dar o seu melhor, dos 3 aos 99 anos

DIVERSAS ATIVIDADES DESPORTIVAS NUM ÚNICO LOCAL 

O programa do Record Challenge Park é composto por atividades que decorrem em sessões contínuas para que todos possam participar a qualquer hora. Estas encontram-se divididas entre atividades de competição e de animação, de forma a potenciar o saudável convívio entre atletas, famílias e a participação de todos.

Algumas atividades de competição exigem pré-inscrição no site uma vez que obrigam a organização de um torneio. 

Já as atividades livres apenas necessitam de inscrição no momento da participação (basta o participante estar presente no local e ter o seu Record Challenge Passport que é entregue gratuitamente à entrada do recinto).

Atividades de competição com pré-inscrição: Street Basket, Street Football, Padel, Corrida 100 metros e Ténis de Mesa.

Atividades de competição sem pré-inscrição: Lances livres; Salto em Comprimento; Remate mais forte e Toques na bola.

Atividades de animação: Ténis; Mini Ténis; Golfe; Circuito de Mini-Golfe; Rugby; Parede de escalada; Rapel; Slide; Arborismo; Tiro ao alvo; Orientação desportiva; Jogos Tradicionais; Caça ao Tesouro; Bubble Football; Trampolim com arnês; Insufláveis; Pinturas faciais e Batismo de Mergulho.

No recinto não faltará um Food Court com diversas opções para saciar a fome de vitória dos participantes

PRÉMIOS PARA TODOS OS VENCEDORES

Os vencedores de cada escalão das atividades de competição serão premiados com cartões presente da Rádio Popular no valor de 100€ e os 2º classificados, no valor de 50€. E como não poderia deixar de ser numa verdadeira competição “olímpica”, os vencedores terão ainda direito a uma medalha do Record Challenge Park



publicado por Carlos Gomes às 18:48
link do post | favorito

Segunda-feira, 4 de Abril de 2016
GARRETT MCNAMARA NOMEADO PARA OS PRÉMIOS BIGGEST WAVE E HEAVIEST WIPEOUT NOS XXL AWARDS 2016

Embaixador Buondi expressa-se intensamente nos prémios das ondas gigantes

Garrett McNamara, embaixador da marca portuguesa de cafés torrados Buondi e detentor do record mundial do Guinness pela maior onda surfada, está nomeado para dois dos mais importantes prémios dos XXL Awards 2016: Biggest Wave, pela onda surfada na Praia do Norte, na Nazaré, a 1 de novembro de 2015, e Heaviest Wipeout, pela tentativa de surfar a maior onda alguma vez vista em Mavericks, California, em janeiro de 2015.

Garrett McNamara disputa esta edição do prémio Biggest Wave com os protagonistas de mais duas ondas surfadas na Praia do Norte, na Nazaré: o australiano Mick Corbett - 19 de fevereiro 2016 - e o brasileiro Pedro Scooby - 27 de outubro 2015. Entre os cinco candidatos ao prémio estão ainda os surfistas Niccolo Porcella e Yuri Soledade.

Já para o prémio Heaviest Wipeout, estão nomeados, com Garrett McNamara, os surfistas Matt Becker em Maverick, Pedro Calado em Puerto Escondido, Tom Dosland em Jaws e Niccolo Porcella em Teahupo'o.

Os vencedores dos XXL Awards serão anunciados a 23 de abril, durante a gala do evento, que decorrerá no Grove Theater, na Califórnia.

Unidos pela intensidade desde 2015, Buondi e Garrett McNamara, vivem intensamente todos os momentos, seja a saborear um café ou a surfar uma onda gigante.



publicado por Carlos Gomes às 23:49
link do post | favorito

Segunda-feira, 11 de Janeiro de 2016
SINTRENSES CAMINHAM POR ALBARRAQUE



publicado por Carlos Gomes às 23:00
link do post | favorito

Segunda-feira, 4 de Janeiro de 2016
ATLETA DO SPORTING VENCE SÃO SILVESTRE DA AMADORA

Trajes do Minho abrilhantam Corrida de São Silvestre

O atleta Rui Silva, do Sporting Clube de Portugal, foi o vencedor da 41ª editação da corrida de São Silvestre da Amadora. No setor feminino, a vitória foi alcançada por Catarina Ribeiro, do Sport Lisboa e Benfica.

12010_1001581029901520_8373827735034635134_n

Os 10 km do percurso foram vencidos por Rui Silva em 30.01 minutos, posicionando-se à frente de José Moreira, do Sporting e de Rui Pinto, do Benfica.

Por seu turno, Catarina Ribeiro fez a prova em 33,55 minutos, ficando à frente de Vanessa Fernandes com 24 segundos de vantagem e de Mónica Silva com 54 segundos, ficando o pódio entregue aos atletas do Benfica.

À semelhança de anos anteriores, coube aos minhotos que vivem na localidade da Amadora abrilhantar a festa com os seus trajes característicos.

Fotos: Câmara Muncipal da Amadora

1917780_1001580919901531_6006769452072070271_n

1933926_1001581079901515_275043940180320722_n

10310095_1001580916568198_7771547581701655988_n

10410724_1001581086568181_1497179751003565107_n

10649860_1001580736568216_4578746181882455153_n

12400928_1001580819901541_7613468675685645552_n

12410584_1001580833234873_2055353841746496845_n



publicado por Carlos Gomes às 19:35
link do post | favorito

Terça-feira, 8 de Dezembro de 2015
CASA DO FAUNO ORGANIZA CAMINHADAS NOTURNAS NA SERRA DE SINTRA

CAMINHADAS NOCTURNAS

– SINTRA ASSOMBRADA

Caminhos e Histórias do Outro Mundo

com MARIA JOÃO MARTINHO

Todos os Sábados às 22h | Inscrições Limitadas

Percursos DEZEMBRO

Dia 5: Histórias de Assombrar na Floresta Encantada (NOVO PERCURSO)(CANCELADO)

Uma viagem pelo Coração da Serra e pelos seus assombrosos enigmas…

(* Percurso mais longo, cerca de 8 km)

Dia 12: Assombrações e Portais da Serra (CANCELADO)

Que os Portais da Serra se abram para nós e nos levem a outras dimensões, que o nefasto não nos atinja mas que se nos revele

(* Percurso mais longo, cerca de 10 km)

Dia 19: Fantasmas para Além de Monserrate (NOVO PERCURSO) (POR CONFIRMAR)

Que os Portais da Serra se abram para nós e nos levem a outras dimensões, que o nefasto não nos atinja mas que se nos revele

(* Percurso mais longo, cerca de 7 km) 

Dia 26: Histórias de Assombrar na Floresta Encantada (NOVO PERCURSO) (POR CONFIRMAR)

Uma viagem pelo Coração da Serra e pelos seus assombrosos enigmas…

(* Percurso mais longo, cerca de 8 km)



publicado por Carlos Gomes às 18:10
link do post | favorito

Quinta-feira, 12 de Novembro de 2015
ASSOCIAÇÃO CULTURAL DE TERCENA REALIZA TORNEIO DE CHINQUILHO



publicado por Carlos Gomes às 00:38
link do post | favorito

Quinta-feira, 6 de Agosto de 2015
INATEL REALIZA FESTIVAL DIRIGIDO AOS CENTROS DE CULTURA E DESPORTO

A Fundação INATEL prepara a realização da 3ª edição da iniciativa “Festival Inatel”, dirigida aos Centros de Cultura e Desporto associados da INATEL.

Atendendo ao já bem reconhecido trabalho que a INATEL vem desenvolvendo, no estímulo e no apoio à criação e à cultura popular, a realização da iniciativa em apreço pretende promover o interesse, o divertimento e a socialização dos beneficiários da Fundação, individuais, coletivos e de diversos pontos do país e de diferentes faixas etárias, contribuindo, simultaneamente, para a dinamização da atividade associativa dos Centros de Cultura e Desporto.

A realização irá decorrer em duas fases:

  • Fase de apuramento de candidaturas por distrito: os CCD interessados em participar deverão enviar as candidaturas ao cuidado dos serviços Inatel. Este envio deve ser realizado através de formulário criado para o efeito, disponível na Internet.
  • Final Nacional: os melhores trabalhos apurados nos diversos distritos apresentarão os seus trabalhos numa ação final organizada em Lisboa, no Teatro Armando Cortez (Casa do Artista), no dia 8 de novembro de 2015.

A apresentação de candidaturas e o envio da documentação solicitada é possível através do preenchimento de formulário online, disponível em https://fs6.formsite.com/inatel/FI2015/index.html.

  • Em cada uma das edições do festival, os grupos participantes serão representantes de distritos ou de regiões autónomas nacionais.
  • Cada um dos distritos ou das regiões autónomas poderá ser representado apenas por um único grupo.
  • Cada um dos grupos poderá participar em representação de apenas um distrito ou de uma região autónoma.
  • Em cada uma das edições do festival, está prevista a participação de um número máximo de até 7 CCD, um por cada distrito ou região autónoma.
  • Considerando que se encontra prevista a realização de um mínimo de três (3) edições da iniciativa, existe a oportunidade para que todos os distritos e regiões autónomas se façam representar.
  • Os distritos ou regiões autónomas com participação prevista na presente edição de 2015, são:
  • Açores.
  • Coimbra.
  • Guarda.
  • Porto.
  • Santarém.
  • Viana do Castelo.
  • Vila Real.

Todos os restantes distritos já participaram na iniciativa.

A data limite para a apresentação de candidaturas é o dia 30 de setembro de 2015.



publicado por Carlos Gomes às 15:10
link do post | favorito

Terça-feira, 28 de Julho de 2015
MOITA PROMOVE CANOAGEM

“Agosto Flutuante”: Canoagem gratuita e para todos na Praia Fluvial do Rosário

Durante o mês de agosto, a Câmara Municipal da Moita convida miúdos e graúdos a participar na iniciativa “Agosto Flutuante”, através da prática de canoagem, na Praia Fluvial do Rosário. Nos dias 8, 24 e 25 de agosto, a canoagem inicia-se às 9:00h e, nos dias 12, 13, 14 e 29 de agosto, às 14:00h.

Canoagem Agosto Flutuante

O “Agosto Flutuante”, assim como os diferentes passeios pedestres e os passeios de bicicleta, integra o programa “NaturalMoita” que a Câmara Municipal da Moita dinamiza, entre abril e novembro, para incentivar a prática desportiva ao ar livre, incutindo, desta forma, hábitos de vida saudáveis na população, valorizando também os vários locais privilegiados deste concelho à beira Tejo.

Para participar no “Agosto Flutuante”, basta aparecer na Praia Fluvial do Rosário, no dia e hora marcados. Esta iniciativa é gratuita.

Mais informações através do T: 210817005 ou do email: div.cultura.desporto@mail.cm-moita.pt.

O programa completo das atividades do NaturalMoita está disponível para consulta em www.cm-moita.pt.



publicado por Carlos Gomes às 22:57
link do post | favorito

Sábado, 18 de Julho de 2015
SINTRA: EQUIPAMENTOS DESPORTIVOS DAS MERCÊS ESTÃO AO ABANDONO

O campo de futebol e os courts de ténis da Tapada das Mercês estão votados ao abandono. Trata-se de equipamentos desportivos que prometiam uma elevada qualidade de vida para os habitantes daquela localidade do concelho de Sintra e que chegaram inclusive a determinar valores mais elevados no mercado de habitação.

BL-Merces 035

Decorridas pouco mais de duas décadas desde a sua construção, a escola de ténis deixou de funcionar e a União Recreativa das Mercês também foi perdendo o interesse na utilização do campo de futebol, deixando de assegurar a sua manutenção.

Atos de vandalismo e a reduzida procura de algumas práticas desportivas como o ténis poderão ter estado na origem deste abandono que, não obstante, é necessário contrariar, procedendo à requalificação do espaço e contribuindo para uma maior dinamização do associativismo local como meio de integração e valorização social e cultural da região.

BL-Merces 036

BL-Merces 037

BL-Merces 038

BL-Merces 033

BL-Merces 026

BL-Merces 025

BL-Merces 027

BL-Merces 028

BL-Merces 030

BL-Merces 029

BL-Merces 031



publicado por Carlos Gomes às 14:45
link do post | favorito

Terça-feira, 14 de Julho de 2015
GARRETT MCNAMARA ENSINA A SURFAR

Buondi Surf Sessions com Garrett McNamara | 18 e 19 JULHO | 10h30 | Praia de Carcavelos e Praia do CDS, Costa da Caparica

Oferecer uma aula de Surf a quem nunca ousou ou teve oportunidade de experimentar é o objetivo do projeto Buondi Surf Sessions.

image001

Um projeto-piloto que, além de proporcionar uma experiência intensa, visa também divulgar o surf, desporto que tem vindo a angariar um cada vez maior número de fãs. Com este intuito, o projeto, que conta com a participação de Garrett McNamara, assenta essencialmente na oferta de aulas à população em geral mas também a crianças e jovens institucionalizados e/ou com necessidades especiais. Em ambos os casos, destinam-se a quem, por qualquer razão, não teve a oportunidade de experimentar. 

Assim, entre 8 e 19 de julho, o Buondi Surf Sessions vai percorrer cinco praias do país – de Matosinhos à Costa da Caparica* – oferecendo aulas à população e a várias instituições.

Próximas aulas:

18 julho – Praia de Carcavelos

Aulas de Surf com Garrett McNamara:

10:30 – Crianças e jovens Instituição da Santa Casa da Misericórdia

11:30 – Aberta à população

19 julho – Praia do CDS – Costa da Caparica

Aulas de Surf com Garrett McNamara:

10:30 – Crianças e jovens Instituição da Santa Casa da Misericórdia

11:30 – Aberta à população



publicado por Carlos Gomes às 11:30
link do post | favorito

Quinta-feira, 18 de Junho de 2015
FITNESS HUT DESAFIA AO EXERCÍCIO FÍSICO

“Não tenho tempo...” Essa desculpa já era!

Plano de 30´para preguiçosos! Vamos a isso? Nem sabe o bem que lhe fazia...

A rotina do dia-a-dia é invocada para desculpar o que a Organização Mundial de Saúde (OMS) considerou uma doença. O sedentarismo e falta de prática de exercício físico origina uma realidade perigosa para a saúde e para a qualidade da esperança média de vida através de favorecer o aparecimento de doenças e o agravamento de problemas – diabetes, ansiedade, pressão alta, obesidade, osteoporose, doenças cardiovasculares e muitas mais situações.

Praticar exercício físico é o antídoto natural para melhorar a saúde! 30 minutos por dia são suficientes para iniciar uma prática regular e orientada para os objetivos que pretende alcançar. Poucos dias denunciam a mudança: é possível assistir a melhorias positivas como a redução de stress e ansiedade, melhoria na qualidade do sono, equilíbrio mental e combate à depressão, sentimento de bem-estar, maior resistência muscular e pulmonar, mais energia, corpo mais tonificado.

Com todos os benefícios inerentes ao exercício físico, o Fitness Hut desenhou um plano de treino para ser realizado em circuito. Este permite uma maior rentabilização do tempo e um aumento da intensidade no trabalhar dos principais grupos musculares e múltiplas articulações. 

O treino é realizado em circuito para uma maior rentabilização de tempo. Realize 4 a 5 séries x 3 circuitos. Na maioria dos exercícios utiliza-se somente o peso corporal e pequenos equipamentos. Isto permite evitar tempos de espera nas máquinas, quando estas se encontram ocupadas. A maior parte dos exercícios são para grandes grupos musculares, com movimentos poli-articulares. Ou seja, permite trabalhar mais do que uma articulação em simultâneo envolvendo vários grupos musculares. Realize 1 minuto de descanso entre cada circuito

  1. 5' Remo para aquecimento
  2. Walking Lunge com halteres  - 1 pista
  3. Rope Squat Jump Slam – 30´´
  4. Push-ups – 20 reps
  5. Remada unilateral  no step – 10 reps
  6. Jump Box – 20 reps
  7. Mountain Climber – 20 reps
  8. Abs mola – 20 reps
  9. Side Plank 30´´

Fonte: Marta Simão – Club Manager @ Fitness Hut Linda-a-Velha



publicado por Carlos Gomes às 22:05
link do post | favorito

Segunda-feira, 8 de Junho de 2015
PRESIDENTE DO MUNICÍPIO LISBOETA, FERNANDO MEDINA ANUNCIA MANUTENÇÃO DO BOATYARD NA CAPITAL

Volvo Ocean Race partiu mas regressa brevemente a Lisboa

Quatro equipas mantêm a operação logística e base de treinos em Portugal

Lisboa despediu-se, este domingo, 7 de junho, da Volvo Ocean Race. Depois de 14 dias com muitas atividades, regatas locais e animação na Doca de Pedrouços, em Algés, a frota de veleiros VO65 partiu para Lorient (França), na 8ª etapa da maior regata à volta do mundo.

VOR_150607_pinto_8279

Aplaudidos por milhares de pessoas junto ao cais da Race Village, os velejadores protagonizaram o Desfile Oficial das tripulações e dirigiram-se aos barcos com família e amigos para darem início à penúltima e mais curta etapa da competição. Enquanto decorriam os últimos preparativos para a partida dos barcos, o Presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, e a diretora dostopover de Lorient, Dominique Narbey, trocaram as bandeiras nacionais de Portugal e França, numa cerimónia de passagem do testemunho.

Lisboa_Lorient

Às 14h00, as sete equipas iniciaram a prova, percorrendo o rio Tejo até ao Terreiro do Paço, local onde inverteram o sentido rumo ao Atlântico, para seguirem até à próxima paragem. O rio encheu-se de centenas de barcos e amantes da vela que vieram acompanhar o início da regata e despedir-se dos velejadores da Volvo Ocean Race. De Algés à baixa de Lisboa, o público encheu as margens do rio Tejo para ver pela última vez as embarcações da maior regata à volta do mundo.

Boatyard da Volvo Ocean Race fica em Lisboa

O balanço final é positivo e os preparativos para a próxima edição já estão em marcha. Fernando Medina, presidente da Câmara de Lisboa, anunciou este domingo que o estaleiro naval oficial da Volvo Ocean Race – The Boatyard - permanecerá em Lisboa. “O estaleiro comum serve não só a reparação dos barcos mas também para a preparação das épocas seguintes. O objetivo é que no final da regata os barcos regressem a Lisboa e façam em Portugal as reparações necessárias”, adiantou Fernando Medina.

“Queremos Lisboa como base para os treinos das equipas. A estadia definitiva do estaleiro oficial é um avanço importante para os objetivos futuros da autarquia, da Administração do Porto de Lisboa, da Direção Geral da Política do Mar e da empresa responsável pela organização do evento Urban Wind. Trabalhámos muito ao longo destas semanas para dar sinais de confiança à organização da Volvo Ocean Race”, concluiu o autarca lisboeta. “O intuito é posicionar Lisboa para no próximo ano apresentarmos uma candidatura vencedora, de forma a que a Volvo Ocean Race estabeleça em definitivo a sua sede em Lisboa, e tornar a capital no ponto de partida da regata em 2020”, acrescentou.

Também quatro equipas da Volvo Ocean Race – Team Alvimedica, Abu Dhabi Ocean Racing, Team SCA e Team Vestas Wind – manterão uma parte da sua operação logística com base em Lisboa.

O Secretário de Estado do Mar, Manuel Pinto de Abreu, falou ainda na possibilidade de haver um barco português na próxima edição da regata. “Com o apoio e empenho de todos os portugueses, tudo é possível” disse Pinto de Abreu.

A Volvo Ocean Race de Lisboa decorreu de 25 de maio a 7 de junho na Doca de Pedrouços, em Algés, com inúmeras atividades e concertos diários totalmente gratuitos para todos os visitantes. A próxima edição acontece em 2017/18, com o stopover de Lisboa já garantido no mapa.



publicado por Carlos Gomes às 00:56
link do post | favorito

Sábado, 6 de Junho de 2015
MAPFRE VENCE IN PORT RACE DA VOLVO OCEAN RACE LISBOA 2015

Final emocionante na última regata antes da partida

Com o rio Tejo como palco principal, o Team MAPFRE vence a In-Port Race de Lisboa da Volvo Ocean Race, que decorreu na tarde de sábado, 6 de junho.

ADOR_Mapfre

Apesar de ter estado na frente durante a maior parte da prova, a equipa liderada por Iker Martínez foi pressionada na reta final da regata com a aproximação da embarcação da Abu Dhabi Ocean Racing. As duas equipas protagonizaram um verdadeiro duelo numa corrida contra o tempo, que acabou com o Team MAPFRE a cruzar a linha de chegada em 1º lugar, a escassos metros do 2º classificado, a Abu Dhabi Ocean Racing.

Um final emocionante que levou velejadores, equipas e público ao rubro na Doca de Pedrouços, em Algés. A luta continuou para as restantes equipas com o Team Alvimedica a concluir a prova em 3º lugar, depois de um percurso tranquilo na prova. A emoção voltou a sentir-se quando o Team SCA e o Team Vestas Wind quase embateram ao contornar uma das bóias do percurso, numa renhida luta pelo 4º lugar. A equipa azul acabou por sair penalizada, permitindo à equipa feminina ganhar vantagem e cruzar a meta final.

Na 5ª posição ficou o Team Brunel, o primeiro barco a chegar a Lisboa no passado dia 25 de maio durante a etapa Newport - Lisboa. Logo de seguida chegou o Team Dongfeng, e por último, o Team Vestas Wind, que regressou à competição depois de 5 meses de ausência da prova.

Esta é a segunda In-Port Race que a MAPFRE vence na Volvo Ocean Race 2015, no entanto é a Abu Dahbi Ocean Racing que leva a melhor pontuação na tabela das In-Port Series, com 21 pontos no total. Com este resultado a equipa espanhola soma 32 pontos, alcançando assim a 5ª posição da classificação geral de regatas In-Port.

A Volvo Ocean Race Lisboa termina domingo, 7 de junho, com a partida das sete equipas para Lorient, França, naquela que será a 8ª e penúltima etapa da maior regata à volta do mundo. Este sábado, o palco principal da Race Village recebe os Blasted Mechanism, para a apresentação do seu novo albúm, pelas 22h00.

ADOR_Mapfre_2jpg



publicado por Carlos Gomes às 23:19
link do post | favorito

Sexta-feira, 5 de Junho de 2015
SKIPPERS DA VOLVO OCEAN RACE FAZEM A ANTEVISÃO DA PRÓXIMA ETAPA

Os skippers das sete equipas em competição na Volvo Ocean Race 2014-15 reuniram-se pela última vez em Lisboa, esta sexta-feira, 5 de junho, numa conferência de imprensa para fazer a antevisão da 8ª etapa da maior regata à volta do mundo, que ligará Lisboa a Lorient (França).

IMG_1814

Esta será a mais curta viagem das equipas da Volvo Ocean Race, que depois seguem para última etapa da regata com destino a Gotemburgo, na Suécia – tendo pelo meio 24 horas de paragem em Haia (Países Baixos) – onde será anunciado o grande vencedor.

A conferência de imprensa contou com a presença de Chris Nicholson, skipper do Team Vestas Wind, que regressa à competição na etapa de Lisboa. As restantes equipas mostraram-se satisfeitas com o regresso da “equipa azul”, no entanto admitem que será mais um concorrente forte que dificultará o percurso até à final. Sam Davies, skipper do Team SCA confessa que “é bom ver o Team Vestas Wind de volta. Nós comentávamos que a regata não era a mesma sem o barco azul. E a verdade é que mais uma equipa em competição faz toda a diferença e pode mudar muito os resultados” revela a timoneira da equipa feminina.

Ian Walker (Abu Dhabi Ocean Racing) também admitiu que “Chris será um dos mais fortes concorrentes. Mais um barco já faz toda a diferença na pontuação e no mar também. O Chris tem muita experiencia e é muito bom. O barco está fantástico, e a história deles, apesar de triste, é um exemplo de força e dedicação”, disse o skipper britânico.

A etapa entre Lisboa e Lorient será uma das mais difíceis viagens devido ao tempo instável e ventos fortes. Charlie Enright,skipper do Team Alvimedica confessa que “quando sair do rio será uma surpresa. Espero que o treino que fizemos nos ajude no caminho para França. Gostámos muito de treinar em Lisboa porque tem óptimas condições para vela” disse o norte-americano, o líder mais novo de toda a frota da Volvo Ocean Race. Ian Walker, reforça o receio de Charlie, naquela que “será uma das mais difíceis viagens. Vamos estar a velejar contra o vento, o que significa que há mais complicações e mudanças de velocidade” destacou o homem-forte da equipa dos Emirados Árabes Unidos.

Em relação às penalizações atribuídas na quarta-feira pelo júri, Bouwe Bekking, skipper do Team Brunel diz que não terão feito grande diferença na tabela. “O Team Abu Dhabi Ocean Racing continua na liderança mas ainda temos hipótese de ganhar. Estou muito confiante para a próxima etapa” revelou o holandês, responsável máximo da primeira equipa a chegar ao cais da Doca de Pedrouços na madrugada do dia 27 de Maio.

Charles Caudrelier, do Dongfeng Race Team  foi de encontro às palavras de Bekking, assumindo que “a penalização foi só de um ponto, o que não afetou muito a tabela. Temos que aceitar e preparar a próxima viagem para superarmos a MAPFRE. Vai ser uma boa luta.” disse o francês.

Também o Team Vestas Wind, que regressa ao mar, depois de 5 meses afastado da competição devido a um acidente ocorrido na 2ª etapa da Volvo Ocean Race, mostrou-se satisfeito e muito ansioso. “Vai ser duro depois de tanto tempo fora, mas estamos muito confiantes” disse o skipper Chris Nicholson.

A Volvo Ocean Race Lisboa decorre até ao próximo domingo (7 de junho), dia da partida dos barcos para Lorient. Este sábado, 6 de junho, decorre a In-Port Race pelas 14:00, regata que se reveste de natural importância, uma vez que em caso de empate na classificação geral, serão estas a servir de critério de desempate.

Seguem ainda os resultados das regatas Pro-Am que decorreram esta sexta-feira:

Classificação Pro Am 2

1º lugar Team Dongfeng; 2ª Team Vestas Wind; 3º Abu Dahbi Ocean Racing

Classificação Pro Am 3

1º Lugar Adu Dahbi Ocean Racing com a presença a bordo do Presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina

2ª lugar Team SCA com a presença a bordo da Princesa Victoria da Suécia

3º lugar Team Mapfre



publicado por Carlos Gomes às 19:41
link do post | favorito

Quinta-feira, 4 de Junho de 2015
SERVILUSA PATROCINA CORRIDA DO ORIENTE

Servilusa patrocina a 14ª edição da Corrida do Oriente-Casino de Lisboa e apoia o Arraial dos Navegantes. 07 de Junho, às 10h, no Parque das Nações

A Servilusa associa-se uma vez mais à Corrida do Oriente – Casino de Lisboa através do seu patrocínio ao evento que decorre este ano no dia 7 de Junho, às 10 horas, no Parque das Nações. A iniciativa, composta por três provas: a Corrida dos 10Km, a prova de 2Km e a Corrida Infantil, tem um limite máximo de inscrições disponíveis, tendo já contado com cerca de 2.800 participações em edições anteriores.

As receitas da Corrida reverterão na íntegra para fins sociais da Associação NAVEGAR, que desenvolve a sua ação social em Portugal e São Tomé e Príncipe através da formação e dinamização de voluntariado jovem, e para a construção da Igreja de Nossa Senhora dos Navegantes, no Parque das Nações. Sobre este assunto, Paulo Carreira, diretor-geral de negócio da empresa, afirma que A Servilusa já apoia esta iniciativa há alguns anos. É mais uma entre muitas iniciativas em que a Servilusa colabora, no âmbito da sua responsabilidade social, e neste caso em particular, a ajudar a Associação Navegar e as suas causas sociais. Mas é também a oportunidade de mobilizar a equipa Servilusa e promover a sua participação na corrida e confraternização no arraial, seguramente um dos mais animados de Lisboa”.

O Arraial dos Navegantes terá lugar nos dias 5,6 e 7 de Junho e conta também com o patrocínio e apoio da Servilusa. É um dos maiores arraiais de Lisboa, e um dos primeiros das Festas de Lisboa. Todos os anos regista milhares de visitantes, para apreciar aquelas que muitos consideram as melhores sardinhas de Lisboa e para se divertirem com um programa de animação que promete.



publicado por Carlos Gomes às 10:22
link do post | favorito

Quarta-feira, 3 de Junho de 2015
JÚRI DA VOLVO OCEAN RACE PENALIZA TRÊS EQUIPAS POR INFRAÇÕES NA ETAPA ATÉ LISBOA

Jurí da Volvo Ocean Race reuniu-se com skippers

O Team SCA, de Sam Davies, o Dongfeng Race Team, de Charles Caudrelier, e a equipa MAPFRE, de Iker Martínez, foram penalizadas com mais um ponto na classificação geral depois de terem navegado em zonas restritas durante a 7ª etapa da Volvo Ocean Race com destino a Lisboa.

VOR_150603_hidalgo_9085

O júri reuniu-se esta quarta-feira, 3 de junho, em Lisboa para ouvir os respetivos skippers das três equipas, acusadas de infringir as regras das zonas de Tráfego de Sentido Único. A equipa feminina ainda sofreu uma penalização adicional, mais um ponto na tabela, por velejar numa Zona de Exclusão.

Com as decisões tomadas esta quarta-feira, o Dongfeng Race Team desce do 2º lugar para a 3ª posição da tabela, com os mesmos 22 pontos do Team Brunel, que ocupa agora o 2º posto, com vantagem devido à classificação das regatas In-Port. O mesmo acontece com as equipas MAPFRE e Alvimedica, ambas com 27 pontos. Os americanos do Team Alvimedica ocupam agora a 4ª posição e os espanhóis descem para o 5º posto. Esta é a segunda infração do Team MAPFRE, penalizada na 2ª e 7ª etapa. Na liderança continua a Abu Dhabi Ocean Racing, de Ian Walker, com 16 pontos.

Veja a classificação aqui: http://www.volvooceanrace.com/en/scoreboard.html

Durante reunião entre as equipas e o júri, os três skippers admitiram os erros mas explicaram que “a passagem pelas zonas de Tráfego de Sentido Único, foi devido à má sinalização” disse Sam Davies, do Team SCA. Segundo o Team MAPFRE e a Dongfeng Race Team as recentes mudanças nas regras das zonas restritas confundiram os velejadores e têm que ser tomadas medidas para esclarecer melhor as equipas.

A regata In-Port de Lisboa está agendada para sábado, dia 6 de junho, às 14h00, com partida da Race Village, na Doca de Pedrouços, em Algés. Este será um momento decisivo para a definição de posições na classificação geral desta competição.



publicado por Carlos Gomes às 20:43
link do post | favorito

AGENDA VOLVO OCEAN RACE LISBOA

Dia 4 de Junho (quinta-feira)

09:30 - 10:15 · Encontro com o Team Alvimedica

Oportunidade para conhecer os velejadores e aprender um pouco mais sobre a equipa mais jovem. Com os velejadores Charlie Enright (skipper), Mark Towill e Sébastien Marsset (no Sailors Terrace)


17:30 · Visita da Princesa Victória da Suécia à Race Village que será recebida por CEO da Volvo Ocean Race, Knut Frostad, na entrada principal e de seguida no Pavilhão da Volvo.

19:00 · Princesa da Suécia visita o Team SCA no pavilhão da equipa. Oportunidade de fotografia com toda a tripulação no momento da chegada.

Dia 5 de Junho (sexta-feira)

09:30 · Conferência de imprensa dos Skippers: A última oportunidade para ver todos os skippers dos barcos sentados juntos antes das competições do fim-de-semana e da partida (Media Center / Sala de imprensa)

10:30 · Conferência de imprensa do Team Vestas Wind: Seis meses depois de encalharem no meio do Oceano Índico, o Team Vestas Wind está de volta à competição. Saiba tudo sobre o esforço épico da reparação do barco a tempo de reentrar nas duas etapas finais da prova. (Media Center / Sala de imprensa)

13:00 · Victória, Princesa da Suécia, navegará a bordo do barco do Team SCA durante a regata Pro-Am.

14:15 · Princesa da Suécia, visita a base do Team SCA com a Skipper Sam Davies e Libby Greenhalgh (oportunidade para fotografar).

15:00 · Mesa redonda com Knut Frostad: Knut Frostad, CEO da Volvo Ocean Race, participou por quatro vezes na regata. Ele vai falar sobre a sua paixão pela competição e das oportunidades desta prova global. (No primeiro piso do Pavilhão da Volvo)

16:30 · Evento de media do Team SCA: Conheça as mulheres do Team SCA, a primeira equipa inteiramente feminina a entrar na corrida (Base do Team SCA - nº32)



publicado por Carlos Gomes às 20:34
link do post | favorito

Terça-feira, 2 de Junho de 2015
VELEJADORES DA VOLVO OCEAN RACE HOMENAGEADOS NO MUNICÍPIO DE LISBOA

A Câmara Municipal de Lisboa recebeu esta terça-feira os velejadores das equipas que integram a Volvo Ocean Race 2015. Knut Frostad , CEO da Volvo Ocean Race, e os skippers das equipas em competição foram homenageados pelo Presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, numa sessão à porta fechada.

Knut_Medina

Num discurso sobre a ligação de Portugal ao Mar, Fernando Medina sublinhou que “a Volvo Ocean Race tem dois significados para Lisboa - fortalece a nossa relação histórica com o mar e a nossa relação com o futuro. Lisboa tem tudo o que é preciso para assegurar o futuro do evento. Queremos que se sintam em casa”.

Já Knut Frostad, CEO da Volvo Ocean Race, confessa que “demorámos muitos anos a descobrir Lisboa. Uma cidade incrível e um dos melhores locais para velejar. Escolhemos a cidade pelas pessoas, motivação e entusiasmo. Lisboa pode contar com a presença da Volvo Ocean Race para os próximos anos”.

José Pedro Amaral, diretor do stopover de Lisboa, voltou a agradecer a presença da regata em Portugal, o apoio do Porto de Lisboa e da Câmara Municipal de Lisboa, pois “sem eles nada era possível”.

Knut_CML

No evento estiveram também presentes Tom Touber, Chief Operating Officer da Volvo Ocean Race, Jorge Máximo, Vereador do Desporto da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Ribeiro Rosa, Presidente Junta de Freguesia de Belém, Marina Ferreira, Presidente do Conselho de Administração do Porto de Lisboa e Alfredo Casimiro da Urbanwind.

A sessão foi encerrada por Fernando Medina que ainda ofereceu um livro de traças de carpintaria do século XV e XVI com desenhos e esboços dos barcos portugueses que partiram à descoberta do mundo.  O momento foi ainda celebrado com três fados de Joana Amendoeira, “Guitarra”, “Lisboa Antiga” e “Marcha Centenária”.

A Volvo Ocean Race decorre até 7 de junho, dia em que os sete barcos partem para a 8ª etapa da Volvo Ocean Race, até Lorient, França. Durante a semana irão realizar-se algumas regatas locais, de treino e para classificação geral. À noite o palco recebe os melhores artistas nacionais como Mikkel Solnado, Ana Free, Sara Tavares, Bezegol, The Legendary Tigerman e Blasted mechanism.

CML_FOTO



publicado por Carlos Gomes às 21:11
link do post | favorito

Domingo, 31 de Maio de 2015
ESCOLAS DE VELA FAZEM PROVA DE OPTIMIST NA VOLVO OCEAN RACE LISBOA

Team Racing Lisboa junta velejadores entre os 6 e os 10 anos

Oito escolas de vela portuguesas estão a  competir entre si numa prova da classe Optimist, na Doca de Pedrouços, em Algés, durante o fim-de-semana, 30 e 31 de maio, na Volvo Ocean Race Lisboa.

image007

O objetivo é permitir aos jovens velejadores nacionais a participação numa das regatas mais emblemáticas do universo, na qual é imperativo o espírito de equipa e de competição.

Para esta prova foram escolhidos os quatro melhores velejadores de cada escola, com idades compreendidas entre os 6 e 10 anos, que competem em representação de cada equipa da maior regata à volta do mundo. O Clube Náutico Boca da Barra atua pela equipa Abu Dhabi Ocean Racing, o Clube Naval de Cascais representa o DongFeng Team, a escola de vela Atlântico “defende” o Team Brunel, o Clube de Vela do Barreiro atua pelos americanos do Team Alvimedica, a escola de Lagos compete pelo Team Mapfre, o Clube Viana do Castelo concorre pelo Team Vestas Wind, o Clube Naval de Faro atua pela equipa feminina Team SCA, e por fim, o Clube Sport Algés e Dafundo representa a equipa da Volvo Ocean Race Lisboa.

As regatas decorrem entre as 14h00 e as 17h00 de sábado e domingo, nos pontões da Doca de Pedrouços, onde qualquer visitante da Race Village da Volvo Ocean Race Lisboa pode assistir às manobras dos pequenos velejadores. A prova está organizada em várias rondas eliminatórias nas quais se irá apurar a escola vencedora. A escola que irá levar o primeiro prémio para casa irá ser apurada no domingo, 31 de maio, ao final da tarde.

Durante a próxima semana a agenda da Volvo Ocean Race inclui regatas de treino (4 de junho), Pro-Am (4 e 5 de junho) e a In-Port Race, marcada para o dia 6 de junho, véspera da largada da frota rumo a Lorient (França). À noite é possível assistir aos concertos de alguns dos melhores nomes da música portuguesa, como Miguel Araújo (30 de maio), Carlão (1 de junho), Mikkel Solnado (2 de junho), Souls Of Fire (4 de junho), Ana Free (2 de junho), Sara Tavares (3 de junho), Blasted Mechanism (6 de junho) e The Legendary Tigerman (5 de junho).



publicado por Carlos Gomes às 09:28
link do post | favorito

Sexta-feira, 29 de Maio de 2015
EXPOSIÇÃO NA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA MOSTRA “DESPORTO, PATRIMÓNIO E MEMÓRIA”



publicado por Carlos Gomes às 23:24
link do post | favorito

BARCO DO TEAM VESTAS REGRESSA À ÁGUA NA VOLVO OCEAN RACE LISBOA

Depois de uma paragem de cinco meses a equipa azul regressa à competição

Depois de uma paragem de cinco meses, o barco do Team Vestas regressou à água esta sexta-feira, dia 29 de maio, na Doca dos Pedrouços em Lisboa. A manobra de regresso do barco à água foi assistida por centenas de pessoas do público, velejadores e todas as equipas, num momento marcante para a história da Volvo Ocean Race e do Team Vestas.

Vestas_dia29

Os dinamarqueses foram afastados da competição na 2ª etapa da regata, Cidade do Cabo - Abu Dhabi, na noite de 28 de novembro, quando encalhou num atol a norte da Ilha Maurícia, no Oceano Índico,  provocando um acidente grave a nível da estrutura do veleiro. O embate não causou quaisquer danos físicos para a tripulação, no entanto destruiu grande parte do veleiro, impedindo a equipa azul de prosseguir na prova.

O veleiro foi levado depois para a Malásia, de onde partiu para Itália, onde ficou durante 5 meses em reparação nos estaleiros da Persico, empresa que fabrica todos as embarcações da Volvo Ocean Race. O barco foi transportado para Portugal, tendo chegado ao Porto de Setúbal a 26 de maio, terça-feira. Durante estes últimos dias a equipa esteve a tratar dos últimos retoques para que o barco fosse colocado no rio Tejo atempadamente.

O momento foi festejado com muita alegria por parte de todas as equipas, em especial do Team Vestas, que celebrou o regresso do veleiro à água com champanhe e muita animação. Os restantes veleiros regressam à água durante a próxima semana, para as regatas de treino e de classificação geral agendadas para os dias 4, 5 e 6 de junho.

Também esta sexta-feira foi ainda organizada uma visita ao Boatyard – o estaleiro naval comum onde são realizados os serviços de manutenção a todos os barcos durante as paragens em terra. O BoatYard é partilhado pelas sete equipas, o que permite reduzir os custos de cada uma, para além de garantir uma prova justa do ponto de vista mais técnico dos barcos. Todas as embarcações são construídas a partir do mesmo modelo de barcos – o Volvo Ocean 65 - com os mesmos padrões de performance e durabilidade. Assim, o destaque vai para a performance individual de cada equipa.

Até à próxima semana as embarcações são colocadas em sólidas armações em terra, onde são reparadas enquanto podem ser admiradas pelo público.

A Volvo Ocean Race Lisboa 2015 decorre até 7 de junho com inúmeras atividades ligadas ao desporto, à vela, à cultura e ao espírito de competição. À noite também é possível assistir aos concertos de alguns dos melhores nomes da música portuguesa, de forma totalmente gratuita. Carminho, Miguel Araújo, Carlão, Mikkel Solnado, Souls Of Fire, Ana Free são apenas alguns dos artistas que ainda irão pisar o palco da Doca dos Pedrouços, em Algés.



publicado por Carlos Gomes às 23:02
link do post | favorito

Quinta-feira, 28 de Maio de 2015
REGATA VOLVO OCEAN RACE: BARCOS CHEGAM A LISBOA AO AMANHECER

Team Brunel mais rápido no regresso da Volvo Ocean Race à Europa

Depois de nove dias a atravessar o Atlântico, as seis equipas chegaram a Lisboa durante as primeiras horas de ontem, dia 27 de maio, numa manhã marcada por vento fraco que obrigou os barcos a manobras surpreendentes para atingirem a linha de chegada instalada em frente à Doca de Pedrouços – quartel-general da Volvo Ocean Race Lisboa.

Team_Brunel

A luta pelo primeiro lugar foi renhida, entre o Team Brunel e a equipa espanhola Mapfre, com os holandeses a levarem a melhor. Passavam nove minutos das cinco da manhã quando o Team Brunel, comandado pelo skipper Bouwe Bekking, cruzou a linha de chegada, vencendo a sétima etapa da Volvo Ocean Race. “A equipa está bastante satisfeita com o resultado da prova” disse Bekking na conferência de imprensa que reuniu os skippers de todas as equipas. “Já atravessei o Atlântico umas 80 vezes mas nunca tinha feito uma viagem tão calma” afirmou convicto.

Vinte e dois minutos depois foi a vez do Team Mapfre fazer a festa do segundo lugar, com as celebrações a cargo do skipper Iker Martinez. A formação do país vizinho mostrou-se “ muito feliz com o 2º lugar e por estar novamente na Europa. Há doze meses nem barco tínhamos, e hoje atingimos excelentes resultados. Todos trabalhámos muito e divertimo-nos bastante juntos”, garantiu Martinez. A luta acesa foi entre o Team Alvimedica – comandada pelo estreante Charlie Enright – que se adiantou na última manobra ao alinhar com a linha de chegada, assegurando o terceiro lugar, relegando o Dongfeng Race Team para a quarta posição. Os norte-americanos acabaram por ser a surpresa do dia, e admitiram ter usado a experiência recolhida entre Abril e Maio de 2014, quando instalaram a sua base de treino na Doca de Alcântara em Lisboa. “O conhecimento da recta final desta etapa permitiu-nos navegar junto à costa. Recolhemos daí vantagem e esse foi o nosso truque”, desvendou Enright. Em contrapartida, os chineses mostraram-se desiludidos com o quarto lugar alcançado (depois de dois primeiros lugares nas chegadas a Sanya e Newport). Charles Caudrelier admitiu alguns erros, e destacou a inexperiência da sua tripulação relativamente aos segredos dos mares portugueses. “Há dois dias estávamos em primeiro lugar, e depois tivemos alguns contra-tempos que nos atrasaram. Quando retomámos o rumo já nos tinham ultrapassado” lamentou o skipper francês.

O Team Abu Dhabi Ocean Racing, vencedor da tirada transatlântica da última Volvo Ocean Race acabou por chegar à Doca de Pedrouços em quinto lugar, com o Team SCA a fechar a contabilidade na sexta posição, concluindo a sua travessia desde Rhode Island às 9h32 da manhã desta quarta-feira.

Foi também durante a útima madrugada que o Volvo Ocean 65 do Team Vestas Wind chegou à Race Village da Volvo Ocean Race Lisboa... mas por terra. Os dinamarqueses foram forçados a suspender a sua participação na regata logo no decorrer da segunda etapa, ao encalharem e danificarem gravemente a embarcação num recife ao largo das Ilhas Maurícias. Depois de meses a ser reparado em Itália, nos estaleiros da Persico, o barco está finalmente pronto para retomar a partir de Lisboa e já de olhos postos na vitória em Lorient.

A largada rumo a França acontecerá a 7 de junho, percorrendo a frota um percurso ao longo de toda a costa lisboeta até ao Terreiro do Paço, seguindo depois em direcção a Lorient, naquela que será a mais curta etapa da prova, com apenas 647 milhas náuticas. Antes disso, a partir de 4 de junho, os barcos voltam ao rio Tejo para as primeiras regatas de treino (dia 4) e Pro-Am (4 e 5), estando o dia 6 reservado à realização da Regata In-Port.

A Classificação Geral da Volvo Ocean Race fica assim definida após a chegada a Lisboa:



publicado por Carlos Gomes às 00:15
link do post | favorito

Segunda-feira, 25 de Maio de 2015
VOLVO OCEAN RACE LISBOA ABRE AS PORTAS AO PÚBLICO

A Race Village da Volvo Ocean Race Lisboa já abriu as suas portas ao público.

A inauguração oficial contou com a presença do Almirante Macieira Fragoso, Chefe do Estado-Maior da Armada e Autoridade Marítima Nacional, do Secretário de Estado do Mar, Manuel Pinto de Abreu, do Presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, do Presidente da Câmara Municipal de Oeiras, Paulo Vistas, da Presidente do Conselho de Administração do Porto de Lisboa, Marina Ferreira, de Tom Touber, Chief Operating Officer da Volvo Ocean Race e deAlfredo Casimiro, da Urban Wind.

unnamed

“Lisboa tem um enorme potencial para eventos ligados ao mar e esta é uma oportunidade fantástica para posicionar a capital portuguesa no panorama mundial da vela e da organização de eventos. Temos tudo para fazer deste o maior e melhor stopover da história da Volvo Ocean Race e garantir uma relação duradoura entre esta prova e a cidade”, sublinhou José Pedro Amaral da Urban Wind.

A entrada é gratuita e entre os dias 25 de maio e 7 de junho, os portugueses terão à sua disposição mais de 50 artistas, entre eles, Carminho, Miguel Araújo, Capitão Fausto, Carlão, Frankie Chavez, Legendary Tiger Man, Blasted Mechanism, Ala dos Namorados, Mikkel Solnado, Sara Tavares e Ana Free. A Race Village da Volvo Ocean Race oferece ainda uma série de atividades ligadas à cultura, à vela e ao desporto, igualmente gratuitas e pensadas para animar os visitantes durante estes dias de celebração da cidade e dos mares. Consultar agenda oficial de atividades emhttp://volvooceanracelisbon.com/race-vilage/agenda/

Desde a partida de Alicante, em outubro de 2014, as equipas Dongfeng Race Team, Team SCA, Team Brunel, Team Alvimedica, Abu Dhabi Ocean Racing, Team Vestas Wind e Desafio MAPFRE já percorreram o mundo em condições extremas de sobrevivência. A chegada das equipas a Lisboa, que marca o tão esperado regresso à Europa, está prevista para o dia 27, quarta-feira.

Como chegar à Volvo Ocean Race Lisboa?

A organização da Volvo Ocean Race Lisboa aconselha os visitantes a chegar até à Race Village via transportes públicos, nomeadamente através da CP, linha de Cascais, saindo na estação de Algés e passando pelo acesso pedonal subterrâneo para o lado Rio.

A entrada no recinto será feita por uma única entrada na Avenida Doutor Alfredo Magalhães Ramalho, junto à rotunda do IC 17 – CRIL.

Para quem deseja deslocar-se em viaturas próprias, o acesso mais indicado será via viaduto do IC 17 – CRIL e estacionar no parque de estacionamento gratuito da Volvo Ocean Race construído para o efeito no Passeio Marítimo de Algés com capacidade para 1000 lugares.

O estacionamento para pessoas com mobilidade reduzida será feito mesmo na entrada do recinto na Avenida Doutor Alfredo Magalhães.

A partir de dia 24 de maio, o estacionamento estará condicionado na Avenida Brasília, entre a Fundação Champalimaud e a rotunda da IC 17 - CRIL.



publicado por Carlos Gomes às 21:02
link do post | favorito

Sexta-feira, 22 de Maio de 2015
VOLVO OCEAN RACE LISBOA TEM VIGILÂNCIA REFORÇADA

Os melhores acessos e toda a informação sobre a segurança

A Race Village da Volvo Ocean Race Lisboa irá contar com uma central de segurança permanente e videovigilância reforçada que irá monitorizar de forma permanente todas as atividades no recinto com capacidade para 30 mil pessoas.

unnamed

Central de Segurança irá monitorizar todo o recinto através de um inovador sistema de videovigilância de reconhecimento facial, com capacidade 360º graus, nos 45.000m2 de área disponível para o público. Além disso, irá também coordenar toda a equipa de profissionais da ARKO, empresa de segurança parceira do evento.

A Race Village irá contar com um Centro de Operações que acompanhará permanentemente todas as atividades e movimentos no recinto e que será composto por elementos da Autoridade Nacional de Proteção Civil, Polícia de Segurança Pública – Divisão de Lisboa, Divisão de Oeiras e Comando Central – Capitania do Porto de Lisboa, Polícia Marítima, Luz Saúde, ARKO e elementos da Urban Wind (empresa responsável pela organização do evento).

Estas entidades estarão a monitorizar qualquer alerta, enviado através das equipas de terreno da ARKO, equipas essas que serão reforçadas durante os concertos que terão início pelas 22:00, aproximadamente. Está também previsto um reforço de segurança e fiscalização permanente à entrada da marina onde estarão as embarcações oficiais da Volvo Ocean Race.

Na entrada do recinto estará uma Unidade Móvel da PSP e da Polícia Marítima que irá funcionar como uma esquadra do recinto e balcão de atendimento onde o público se poderá dirigir em caso de alguma emergência. Também na entrada do recinto estará o Posto Médico e Ambulância, da responsabilidade da Luz Saúde, parceiro de saúde da Volvo Ocean Race Lisboa que irá assegurar o bem-estar dos atletas e do público em terra e no mar.

Câmara Municipal de Lisboa terá também uma equipa permanente de fiscalização e licenciamento que irá garantir a segurança de todos os equipamentos no recinto.

Como chegar à Volvo Ocean Race Lisboa?

A organização da Volvo Ocean Race Lisboa aconselha os visitantes a chegar até à Race Village via transportes públicos, nomeadamente através da CP, linha de Cascais, saindo na estação de Algés e passando pelo acesso pedonal subterrâneo para o lado Rio.

A entrada no recinto será feita por uma única entrada na Avenida Doutor Alfredo Magalhães Ramalho, junto à rotunda do IC 17 – CRIL.

Para quem deseja deslocar-se em viaturas próprias, o acesso mais indicado será via viaduto do IC 17 – CRIL e estacionar no parque de estacionamento gratuito da Volvo Ocean Race construído para o efeito no Passeio Marítimo de Algés com capacidade para 1000 lugares.

O estacionamento para pessoas com mobilidade reduzida será feito mesmo na entrada do recinto na Avenida Doutor Alfredo Magalhães.

A partir de dia 24 de maio, o estacionamento estará condicionado na Avenida Brasília, entre a Fundação Champalimaud e a rotunda da IC 17 - CRIL.

Na capital portuguesa, está tudo a postos para receber as equipas, os barcos e os milhares de visitantes esperados na Doca de Pedrouços, em Algés, entre os próximos dias 25 de maio e 7 de junho.

Durante 14 dias, os portugueses terão à sua disposição mais de 50 artistas, entre eles, Carminho, Miguel Araújo, Capitão Fausto, Carlão, Frankie Chavez, Legendary Tiger Man, Blasted Mechanism, Ala dos Namorados, Mikkel Solnado, Sara Tavares e Ana Free. Além da música, a Race Village da Volvo Ocean Race oferece ainda uma série de atividades ligadas à cultura, à vela e ao desporto, totalmente gratuitas e pensadas para animar os visitantes durante estes dias de celebração da cidade e dos mares.



publicado por Carlos Gomes às 20:47
link do post | favorito

Quinta-feira, 21 de Maio de 2015
VOLVO OCEAN RACE VAI TER MERCADO PORTUGUÊS

Yoni Surf Boards, By Marez, Head-Ji, Origama e Lisbon Lovers entre as 36 marcas presentes

A Volvo Ocean Race desembarca na Doca de Pedrouços em Algés entre os dias 25 de maio e 7 de junho e traz consigo muito mais do que desporto, mar e cultura. O Mercado Português da Volvo Ocean Race Lisboa promete ser uma das grandes atrações pois reunirá mais de 36 marcas originais de gastronomia e moda.

Das pranchas de madeira Yoni Surf Boards, às originais toalhas de praia da Origama, passando pelos produtos mais típicos e regionais como a Casa dos Ovos Moles de Lisboa até à moda nacional com a By Marez, o Mercado Português promete ser uma montra com alguns dos melhores produtos nacionais, encantando os milhares de portugueses e estrangeiros que visitem a Volvo Ocean Race Lisboa.

“As marcas do Mercado Português da Volvo Ocean Race Lisboa têm uma coisa em comum: o espírito empreendedor que partilham. São marcas nacionais que já conquistaram um lugar de destaque e que são fruto da determinação e espírito de portugueses empreendedores. São, por isso, marcas que representam um Portugal novo”, refere José Pedro Amaral, Stopover Director da Volvo Ocean Race. 

MARCAS GOURMET E PRODUTOS REGIONAIS

Momentos do Paço - Azeite Secco, Cacao Divine, Aquae Flavia e Patê Mais, Cantinho Regional Serra da Estrela, Terrius, Almojanda, Bísaro, Yonest, Casa dos Ovos Moles de Lisboa, Tortas de Azeitão, entre outras.

MARCAS DE EMPREENDEDORISMO NACIONAL

Lisbon Lovers, Paribá, Benoliel, Madbi, Shulz, Virgencita, By Marez, Xicalarica, Go Green, Genuine, Collection, Yoni Surf Boards, Origama, Eu e a Mama, Palm3 Glasses, Tu chique, Seg Portugal, She, Atelier do Burel, Nortada, Futah, Echarpe Duo, Head-Ji, Funky Project, Vintage Bazar, Lemon Hair Lovers, Terços da Lupinha

MARCAS TRAZIDAS E INVESTIDAS POR PORTUGUESES

Ipanema, PAEZ, Barroso Óculos de Sol

Os barcos da Volvo Ocean Race já estão a caminho de Portugal e por cá já está tudo a postos para receber as equipas e os milhares de visitantes esperados. A chegada dos velejadores está prevista para os primeiros dias do stopover de Lisboa que decorre até ao dia 7 de junho, na Doca de Pedrouços, em Algés. Durante 14 dias, os portugueses encontrarão um evento multi-cultural, destacando-se um vasto cartaz de concertos com mais de 50 artistas, entre eles, Carminho, Miguel Araújo, Capitão Fausto, Carlão, Frankie Chavez, Legendary Tiger Man, Blasted Mechanism, Ala dos Namorados, Mikkel Solnado, Sara Tavares e Ana Free.

Para além da música, a Race Village da Volvo Ocean Race oferece ainda uma série de atividades totalmente gratuitas ligadas à cultura, à vela e ao desporto. A Race Village abre as portas todos os dias às 10h30 da manhã e encerra pelas 24h00, podendo estender-se até às 02h00 aos fins-de-semana.



publicado por Carlos Gomes às 14:06
link do post | favorito

Terça-feira, 19 de Maio de 2015
BARCOS DA REGATA VOLVO OCEAN RACE JÁ ESTÃO A CAMINHO DE LISBOA

Tudo a postos em Lisboa para receber a Volvo Ocean Race

Os barcos da Volvo Ocean Race deixaram Newport (EUA) este domingo e já estão a caminho de Lisboa num percurso de 2.800 milhas náuticas, ou seja, 5.185 quilómetros que atravessam o Atlântico. A sétima etapa da regata marcará o regresso das equipas à Europa para as duas últimas tiradas da Volvo Ocean Race. Com a equipa Abu Dhabi Ocean Racing a liderar, Lisboa é a antepenúltima paragem dos velejadores, até à meta final em Gotemburgo (Suécia). A viagem até Lisboa poderá durar entre seis a 10 dias, dependendo das correntes e icebergs que poderão surgir durante o percurso.

image002

Na capital portuguesa, já está tudo a postos para receber as equipas, os barcos e os milhares de visitantes esperados. A chegada dos velejadores está prevista para os primeiros dias do stopover de Lisboa (entre os dias 25 e 27 de maio) que decorre até ao dia 7 de junho, na Doca de Pedrouços, em Algés. Durante 14 dias, os portugueses encontrarão um evento multi-cultural, destacando-se um vasto cartaz de concertos com mais de 50 artistas, entre eles, Carminho, Miguel Araújo, Capitão Fausto, Carlão, Frankie Chavez, Legendary Tiger Man, Blasted Mechanism, Ala dos Namorados, Mikkel Solnado, Sara Tavares e Ana Free

Para além da música, a Race Village da Volvo Ocean Race oferece ainda uma série de atividades ligadas à cultura, à vela e ao desporto, totalmente gratuitas e pensadas para entreter os visitantes durante o período de um evento que pretende estreitar a relação dos portugueses com o Mar.

Nos 45.000m2 de área disponível para o público, a Race Village contará com fogo-de-artifício, batismos de mergulho, de vela e de canoagem, uma exposição de automóveis clássicos Volvo, um simulador de queda livre trazido pelo Team Vestas Wind, um espaço dedicado ao documentário “Another Day at the Office” que conta a vida a bordo, aulas Holmes Place, uma mini-maratona solidclassificado  tabela, seguida datreitar a relaça de concertos  Stopover.lities.s.ntire day event, the Volvo Ocean Race, which isária trazida pela Accenture Portugal, uma exposição para conhecer o interior de um barco Volvo Ocean 65, entre muitas outras atividades. A realçar ainda a zona de restauração, com diversos restaurantes e food trucks, e o “Mercado Português” com 36 expositores de produtos nacionais e não só.

Porque a Race Village está pensada para as famílias, não faltarão atrações para os mais novos. Um Jogo da Glória gigante no espaço da CP – Caminhos de Portugal, carrinhos a pedais trazidos pela Volvo, pinturas faciais, cabine de fotografias, parque de insufláveis, parede de escalada, parede de grafitti, entre muitas outras atividades totalmente gratuitas.

A Race Village foi desenhada para surpreender todos os curiosos que ambicionam ver e conhecer os barcos que viajam 38,739 milhas náuticas à volta do mundo, superando nove etapas e passando por 10 portos diferentes. Nos primeiros dias os barcos ficarão expostos na água, num local privilegiado para o público que visita a Race Village. Os amantes da vela serão surpreendidos com uma grande novidade, a chegada do The Boatyard, uma oficina de reparação onde os barcos são colocados em berços fora de água e onde qualquer visitante poderá vê-los de perto e assistir às suas reparações.

O espetáculo estende-se às águas do rio Tejo onde decorrem seis regatas ao longo de todo o evento: duas regatas de treino para verificar a necessidade de algumas afinações nos barcos; três regatas Pro-Am (com convidados a bordo); uma regata da In Port Series, cujo resultado final pode ter impacto na classificação final da Volvo Ocean Race, em caso de igualdade pontual.

Até à data, a Dongfeng Race Team posiciona-se no 2º lugar da tabela, seguida do Team Brunel, que se encontra em 3º lugar e do Team Alvimedica – quarto classificado a par da equipa MAPFRE. Mas tudo poderá mudar até Lisboa.

A Volvo Ocean Race é um dos maiores eventos náuticos do mundo, colocando Lisboa no panorama mundial da vela. Este ano, a organização garante que a Volvo Ocean Race Lisboa 2015 será o melhor stopover da história da Volvo Ocean Race.

Horário Race Village – abertura às 10h30 e encerramento às 24h00 (horário alargado nos fins de semana)

Bilheteira – Entrada gratuita



publicado por Carlos Gomes às 13:41
link do post | favorito

Segunda-feira, 18 de Maio de 2015
VOLVO OCEANO RACE APADRINHA MINI-MARATONA SOLIDÁRIA DA ACCENTURE

Para comemorar o 25º aniversário da Accenture em Portugal, a consultora de gestão e a organização da Volvo Ocean Race vão realizar uma Mini-Maratona solidária de 5km no próximo dia 30 de maio, pelas 09h30, junto ao rio Tejo, em Lisboa, com partida e chegada da Race Village da Volvo Ocean Race Lisboa.

Nesta Mini-Maratona solidária da Accenture os prémios revertem a favor de Instituições de Solidariedade Social* – à escolha de um dos quatro vencedores que ocuparão o pódio. Ao todo serão entregues quatro prémios que totalizam 25 mil euros.

“É com natural satisfação que recebemos esta iniciativa da Accenture Portugal na Race Village da Volvo Ocean Race Lisboa, ainda para mais celebrando uma data tão especial de uma Marca cuja notoriedade em todo o mundo é por demais reconhecida. Sendo aVolvo Ocean Race um dos cinco maiores eventos desportivos à escala universal, que coloca Portugal no centro da vela mundial, reveste-se ainda de maior significado a associação a mais uma marca de prestígio como é o caso da Accenture Portugal”, refereJosé Pedro Amaral, Stopover Director da Volvo Ocean Race Lisboa.

“Este ano a Accenture celebra 25 anos em Portugal, por isso, entre várias outras iniciativas para todos os stakeholders, achámos que faria todo o sentido realizar esta Mini-Maratona solidária inserida num dos maiores eventos de desporto a nível mundial, como é o caso da Volvo Ocean Race. Esta é uma corrida solidária na qual os prémios revertem a favor de Instituições de Solidariedade Social à escolha dos vencedores de entre uma lista de instituições apoiadas pela Accenture”, refere Rui Sales Rodrigues, Diretor de Marketing da Accenture.

A corrida integra o programa de atividades da Volvo Ocean Race Lisboa, a decorrer de 25 de maio a 7 de junho, na Doca de Pedrouços, em Algés. O evento celebra a chegada a Portugal da maior regata à volta do mundo e de um dos três maiores eventos náuticos mundiais, com inúmeras atividades e os melhores nomes da música portuguesa. Durante 14 dias, mais de 50 artistas, entre eles CarminhoMiguel AraújoCapitão FaustoCarlão,Frankie ChavezLegendary Tiger ManBlasted MechanismAla dos NamoradosMikkel SolnadoSara Tavares e Ana Free, irão entreter os velejadores e os milhares de visitantes esperados na Race Village. O recinto tem abertura às 10h30 e encerramento às 24h00, com horário alargado aos fins de semana.

A Mini-Maratona Solidária da Accenture tem partida marcada para as 9h30, junto ao palco da Volvo Ocean Race, na Doca dos Pedrouços, em Algés. Com um total de 5km de percurso, todos os participantes irão percorrer a Avenida Brasília, ao longo da margem do rio Tejo, até ao Padrão dos Descobrimentos, em Belém, onde irão inverter a marcha, de volta à Race Village onde cortam a meta.

Para participar, os interessados deverão efetuar a sua inscrição online através da página oficial da Mini-Maratona, preenchendo o formulário de inscrição até às 23h59 do dia 24 de maio. As inscrições serão depois validadas via email pela organização antes de se tornarem efetivas e estão limitadas a um número máximo de 1.000 participantes.

Idade mínima de participação: 18 anos. Menores de idade têm de ser acompanhados por um adulto responsável.



publicado por Carlos Gomes às 15:21
link do post | favorito

Sexta-feira, 15 de Maio de 2015
QUERES TOCAR NO PALCO DA VOLVO OCEAN RACE?

Concurso Making Waves vai escolher uma banda portuguesa para fazer a primeira parte do concerto de Miguel Araújo no dia 30 de Maio;

Melhores trabalhos de Fotografia, Ilustração, Pintura e Digital serão também distinguidos na Race Village

A organização da Volvo Ocean Race Lisboa 2015 vai promover um Concurso Internacional para jovens talentos na área da música e arte que irá levar uma banda portuguesa ao palco principal da Race Village, no próximo dia 30 de Maio, na Doca de Pedrouços, em Lisboa.

O concurso Making Waves dirige-se a jovens artistas ou criativos entre os 18 e os 35 anos, residentes em Portugal, e que se distinguem nas áreas da Música e Arte.

Na componente musical será distinguida a melhor banda no estilo de música indie, pop rock ou tradicional que terá de criar uma música original sob o tema da Volvo Ocean Race. Os artistas vencedores receberão um prize money no valor de 1.000 euros e terão oportunidade de fazer a primeira parte do concerto de Miguel Araújo no dia 30 de maio no palco da Race Village em Lisboa.

Já na categoria de Arte, serão aceites os melhores trabalhos originais na área da Fotografia, Pintura, Ilustração e Arte Digital. O vencedor irá receber um prémio no valor de 1.000 euros e o seu trabalho irá ainda integrar uma exposição mundial itinerante, com todos os vencedores de cada stopover, que terá lugar no Museu da Volvo Ocean Race em Alicante, Espanha. Todos os trabalhos na categoria de Arte serão expostos na Race Village na Doca de Pedrouços, em Algés, entre os dias 25 de maio e 7 de junho de 2015.

Os interessados terão de se inscrever no Facebook Oficial da Volvo Ocean Race Lisboa até ao próximo sábado dia 23 de maio.

Os melhores trabalhos serão votados online, no Facebook, pelos fãs da Volvo Ocean Race Lisboa e serão depois avaliados também pela direção artística do palco Volvo Ocean Race liderada pelo compositor português João Gil.

O concurso Making Waves integra o programa de atividades da Volvo Ocean Race Lisboa, a decorrer de 25 de maio a 7 de junho, na Doca de Pedrouços, em Algés. O evento celebra a chegada a Portugal da maior regata à volta do mundo e de um dos três maiores eventos náuticos mundiais, com inúmeras atividades e os melhores nomes da música portuguesa.

Durante 14 dias, mais de 50 artistas, entre eles Carminho, Miguel Araújo, Capitão Fausto, Carlão, Frankie Chavez, Legendary Tiger Man, Blasted Mechanism, Ala dos Namorados, Mikkel Solnado, Sara Tavares e Ana Free, irão entreter os velejadores e os milhares de visitantes esperados na Race Village. O recinto tem abertura às 10h30 e encerramento às 24h00, com horário alargado aos fins de semana.



publicado por Carlos Gomes às 16:13
link do post | favorito


mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


posts recentes

WANDERLUST 108: LISBOA SE...

VOLTA A PORTUGAL COMEMORA...

REVISTA DE MARINHA DESTAC...

LISBOA RECEBE EVENTO DESP...

FRANÇA VENCE GRANDE PRÉMI...

CSIO DE LISBOA: PORTUGAL ...

BÉLGICA VENCE TAÇA DAS NA...

PORTUGAL SOMA E SEGUE EM ...

MONTIJO CAMINHA PELA ARTE

MARCAS ASSOCIAM-SE AO CSI...

PORTUGUESES ENTRAM A GANH...

LISBOA ESTÁ NO RANKING MU...

CLUBE FUTEBOL BENFICA É O...

ISA SEBASTIÃO, RECORDISTA...

PORTUGAL RECEBE FESTIVAL ...

GELPEIXE É MUITO MAIS QUE...

JOÃO KOPKE APRESENTA BUON...

LISBOETAS AGRADECEM AOS D...

JOGOS DE TABULEIRO POTENC...

GARRETT MCNAMARA DÉ AULAS...

CAFÉS “BUONDI” OFERECEM A...

PORTUGAL É CAMPEÃO DA EUR...

LISBOA RECEBE RECIRD CHAL...

GARRETT MCNAMARA NOMEADO ...

SINTRENSES CAMINHAM POR A...

ATLETA DO SPORTING VENCE ...

CASA DO FAUNO ORGANIZA CA...

ASSOCIAÇÃO CULTURAL DE TE...

INATEL REALIZA FESTIVAL D...

MOITA PROMOVE CANOAGEM

SINTRA: EQUIPAMENTOS DESP...

GARRETT MCNAMARA ENSINA A...

FITNESS HUT DESAFIA AO EX...

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO L...

MAPFRE VENCE IN PORT RACE...

SKIPPERS DA VOLVO OCEAN R...

SERVILUSA PATROCINA CORRI...

JÚRI DA VOLVO OCEAN RACE ...

AGENDA VOLVO OCEAN RACE L...

VELEJADORES DA VOLVO OCEA...

ESCOLAS DE VELA FAZEM PRO...

EXPOSIÇÃO NA ASSEMBLEIA D...

BARCO DO TEAM VESTAS REGR...

REGATA VOLVO OCEAN RACE: ...

VOLVO OCEAN RACE LISBOA A...

VOLVO OCEAN RACE LISBOA T...

VOLVO OCEAN RACE VAI TER ...

BARCOS DA REGATA VOLVO OC...

VOLVO OCEANO RACE APADRIN...

QUERES TOCAR NO PALCO DA ...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

tags

todas as tags

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds