Blogue de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes de Lisboa e arredores

Quinta-feira, 22 de Junho de 2017
RIO DE MOURO PREPARA-SE PARA A FESTA

19274914_1630955310300015_9153617348315440842_n.jpg

19399828_1630955306966682_6152393210293774067_n.jpg

 



publicado por Carlos Gomes às 11:40
link do post | favorito

Quinta-feira, 15 de Junho de 2017
SINTRA: BELAS REALIZA FESTIVAL DE FOLCLORE

19059821_1392155187538721_3526016489229566976_n (2).jpg



publicado por Carlos Gomes às 17:51
link do post | favorito

Domingo, 11 de Junho de 2017
CANTE ALENTEJANO DESFILA NO CACÉM

18893325_779380515576285_2573544304224058613_n (1).jpg

 



publicado por Carlos Gomes às 11:11
link do post | favorito

Sábado, 10 de Junho de 2017
RIO DE MOURO REGRIDE NA RECOLHA DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS

Os contentores subterrâneos de resíduos sólidos existentes junto à estação da CP de Rio de Mouro e à praça de taxis ali existentes estão a ser substituídos pelos velhos e monstruosos contentores que desfiguram a paisagem urbana daquela vila do concelho de Sintra.

DSCF3523 (1).JPG

Esta situação verifica-se simplesmente porque foi entretanto contratada uma empresa privada – a SUMA – que não dispõe equipamento adequado para o efeito, apesar de assegurar “o cumprimento dos mais exigentes requisitos de qualidade nos serviços de recolha e transporte e no recurso aos equipamentos tecnologicamente mais avançados” como refere no seu site oficial.

Autênticos “comboios” de contentores de lixo conferem a esta localidade com estatuto de vila uma imagem mais própria de um bairro degradado de subúrbio. Não raras as vezes, o vento intenso de noroeste, vulgo nortada, que todos os anos faz-se sentir na região desde o início da Primavera até aos fins de Outono, arrasta os contentores para a estrada, colocando em risco a segurança rodoviária.

A localização dos mesmos nos passeios destinados aos peões impede a sua circulação em condições de segurança, incluindo crianças e pessoas com mobilidade reduzida.

Perante o cenário de substituição dos contentores subterrâneos pelos velhos caixotões, é caso para dizer que Rio de Mouro anda de cavalo para burro!...

DSCF3524 (1).JPG

DSCF3522.JPG

DSCF3526.JPG

 



publicado por Carlos Gomes às 20:20
link do post | favorito

Sábado, 3 de Junho de 2017
CONTENTORES DE LIXO BLOQUEIAM CIRCULAÇÃO DE TRANSEUNTES EM RIO DE MOURO

A localização de contentores do lixo na localidade de Rio de Mouro, no concelho de Sintra, impedem a circulação dos transeuntes nos passeios e transformam estes em verdadeiras lixeiras públicas.

DSCF3321

Na rua da Presa, um autêntico comboio de contentores ocupa por completo o espaço reservado aos peões, forçando estes a circular ao longo das estrada com os riscos de segurança daí inerentes. Entre os transeuntes que estão nestas comdições encontram-se pessoas de mobilidade reduzida e as crianças que diariamente se deslocam para as eslocas existents nas proximidades.

Refira-se que este não era o local inicialmente destinado à colocação dos referidos contentores do lixo, vulgo residues sólidos urbanos. Porém, a sua localização tem vindo a reveler-se a menos incómoda, nomeadamente quando o vento noroeste que se faz sentir a partir dos começos da Primavera os arrastam para o meio da Estrada, causando problemas à circulação do trânsito em condições de segurança.

O BLOGUE DE LISBOA tem conhecimento de que a Junta de Freguesia de Rio de Mouro já foi alertada por alguns moradores mas não foram até ao momento adoptadas quaisquer providências.

DSCF3320

DSCF3322

DSCF3323

DSCF3324

DSCF3325

DSCF3326



publicado por Carlos Gomes às 22:59
link do post | favorito

Sábado, 20 de Maio de 2017
SINTRA: AGUALVA REGRESSA AO SÉCULO XVIII

A localidade da Agualva, no concelho de Sintra, regressou este fim-de-semana ao século XVIII, recriando o ambiente pitoresco de uma das mais antigas feiras tradicionais da região saloia.

DSCF3170

Em pleno Largo da República que conserva ainda o antigo coreto e o cruzeiro, a vetusta capelinha e o imponente palácio da Quinta da Fidalga ou de Nossa Senhora do Monte do Carmo, outrora pertencente à família do escritor Matias Aires. De resto, a recriação histórica inclui a presença da família de Matias Aires, incluindo a sua irmã Teresa Margarida da Silva Orta que foi a primeira romancista em língua portuguesa e a primeira escritora do Brasil.

DSCF3173

Alcoviteiras, regateiras, aguadeiros e colarejas dembulam pela feira, com os seus pregões e envolvendo-se nas costumeiras algazarras, onde não faltam os bailaricos, os grupos de gaiteiros e os jogos tradicionais com a tração à corda, jogo do prego, chinquilho e peão.

E, como em recinto de feira saloia não faltam os comes e bebes, as tasquinhas oferecem o leitão de Negrais, o pão com chouriço, doçaria, hortícolas e frutas, artesanato e ofícios tradicionais.

Situada no Largo da República, na Agualva, a Quinta da Fidalga tem estado votada ao abandono e cada vez mais degradada. Abandonada há vários anos, o edifício encontra-se classificado como Imóvel de Interesse Municipal, trata-se da Quinta de Nossa Senhora do Monte do Carmo, fundada por volta de 1725 por José Ramos da Silva, Provedor da Casa da Moeda e pai do escritor Matias Aires que ali viveu até ao seu falecimento em 1763.

DSCF3172

A Câmara Municipal de Sintra anunciou há cerca de dois anos a sua cedência ao Conservatório de Música de Sintra, no âmbito de um projeto de criação de uma orquestra em cada agrupamento de escolas do concelho. No edifício principal, com três pisos e três dezenas de salas, a autarquia projetava instalar uma escola de música e relacionar-se com outros conservatórios", segundo na altura explicou Basílio Horta à agência Lusa. O autarca estimou então que o Conservatório de Música de Sintra-Associação de Música e Dança invista na recuperação e adaptação do imóvel “mais de dois milhões de euros”. A igreja da quinta ficaria destinada à realização de concertos.

De acordo com o contrato de cedência, com uma duração de 30 anos, na recuperação da quinta, classificada como "imóvel de interesse municipal", os trabalhos deverão ser autorizados e acompanhados pela autarquia, nomeadamente as obras na capela e nas fachadas do edificado, as portas e janelas, o lagar de fuso e a torre”.

O projeto mereceu o aplauso de todas as forças políticas do concelho de Sintra mas até ao momento, a Quinta da Fidalga continua votada ao abandono e a degradar-se.

DSCF3169

DSCF3174

DSCF3175

DSCF3176

DSCF3178

DSCF3179

DSCF3180

DSCF3181



publicado por Carlos Gomes às 19:47
link do post | favorito

Sábado, 22 de Abril de 2017
SINTRA INAUGURA PARQUE URBANO DA CAVALEIRA

17952468_697453747114054_4449509367570880587_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 14:22
link do post | favorito

RIO DE MOURO ASSINALA 25 DE ABRIL

17951880_1563053223756891_8374698962808464995_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 14:18
link do post | favorito

Terça-feira, 11 de Abril de 2017
BELAS RECEBE CLUEDO TEATRAL

“1908”: Novo Cluedo Teatral estreia em Belas

Pela primeira vez em regime de coprodução, a Don’Adelaide juntou-se à Byfurcação Teatro e à Câmara Municipal de Sintra para juntos apresentarem o primeiro Cluedo Teatral histórico, que vai transportar o público até às vésperas do Regicídio do Rei D. Carlos I. “1908” estreia dia 21 de Abril e estará em cena todas as 6ªs e Sábados, às 21h30 até final de Maio, na Quinta Nova da Assunção, em Belas.

Cartaz_A3_Cluedo_Teatral_low.jpg

A 30 de Janeiro de 1908 os planos da Carbonária para assassinar o Rei D. Carlos I estão já numa fase em que há demasiado em jogo para voltar atrás, mas um assassinato de um dos conspiradores na sua sede secreta ameaça deitar tudo a perder. Com o Grão-Mestre preso e a ordem mergulhada em cisões internas e jogos de interesses, a queda da monarquia parece cada vez mais uma miragem.

Este é o mote de 1908, o novo cluedo da autoria da Don'Adelaide Produções em coprodução com a Byfurcação Teatro e a Câmara Municipal de Sintra, que convidam os seus espetadores a serem membros de uma ordem secreta por uma noite, podendo interrogar os suspeitos e tentar desvendar o mistério por detrás desta morte inconveniente.

A lotação é de 40 espetadores por sessão, que serão divididos por equipas de investigação com um máximo de oito elementos. Aceite o convite da Byfurcação Teatro, da Câmara Municipal de Sintra e da Don’Adelaide Produções e venha conhecer a centenária Quinta Nova da Assunção e viajar no tempo com este “1908”, todas as sextas e sábados de 21 de Abril até 27 de Maio, às 21h30, em Belas.

1908

Coprodução: Byfurcação Teatro e Câmara Municipal de Sintra

Autoria: Don’Adelaide Produções

Com: Carlos Paiva, Guilherme Barroso, Joana Almeida, João Cruz e Paulo Cintrão

Local: Quinta Nova da Assunção – Adro da Igreja, nº27, Belas

Bilhetes: 15€ 

Descontos: 12€/cada para grupos de seis ou mais pessoas que reservem através do email

Lotação: 40 espectadores, num limite de oito elementos por equipa

Reservas: donadelaideproducoes@gmail.com ou 965892293



publicado por Carlos Gomes às 21:29
link do post | favorito

Quarta-feira, 1 de Março de 2017
COMBOIOS DA LINHA DE SINTRA NÃO CUMPREM HORÁRIOS: PASSAGEIROS VIVERAM HOJE SITUAÇÃO CAÓTICA!

Transporte ferroviário está a degradar-se!

Milhares de pessoas apinharam-se esta manhã nos comboios da linha de Sintra como já não sucedia desde que foram retiradas de circulação as antigas composições. O motivo prendeu-se com a supressão de sucessivas ligações, levando a uma concentração anormal de passageiros nas gares à espera dos comboios que não chegavam. Os altifalantes repetiam de forma desconexa sucessivas mensagens a informar os atrasos verificados. E, entre o público que impacientemente aguardava, havia quem ironizasse com os efeitos da folia do Carnaval.

FIL - Happy Life 021

Desde há algum tempo que o serviço prestado naquela linha vem degradando-se nomeadamente com a supressão e o não cumprimento de horários dos transportes, a falta de higiene e segurança dentro das composições e nas próprias gares, incluindo os equipamentos sanitários. Os próprios martelinhos para quebrar as janelas em caso de emergência foram saqueados.

Os utentes – aliás clientes! – dos comboios da linha de Sintra mantêm ainda bem presente na memória a degradação a que chegou o serviço que outrora ali era prestado e receiam que a situação volte a repetir-se.



publicado por Carlos Gomes às 10:55
link do post | favorito

Quinta-feira, 23 de Fevereiro de 2017
RIO DE MOURO FAZ ENTERRO DO BACALHAU

16865138_1497115397017341_6867506661573511341_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 02:16
link do post | favorito

Sábado, 17 de Dezembro de 2016
SINTRA: BELAS RECEBE CANTARES AO MENINO

15356480_1265108706866129_6210905765965524481_n (5).jpg



publicado por Carlos Gomes às 19:26
link do post | favorito

Segunda-feira, 7 de Novembro de 2016
SINTRENSES FAZEM MAGUSTO EM MEM MARTINS

14937193_10207787460070621_5607109718633694055_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 21:40
link do post | favorito

Sábado, 5 de Novembro de 2016
FOLCLORISTAS DEBATEM EM ALMARGEM DO BISPO REZAS, MEZINHAS E MEDICINA TRADICIONAL

14590332_1171209626266963_7281256329144017285_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 09:58
link do post | favorito

Quinta-feira, 27 de Outubro de 2016
SINTRENSES FESTEJAM O S. MARTINHO

14732364_1328336107239380_2761145911697287250_n (1).jpg

 



publicado por Carlos Gomes às 14:25
link do post | favorito

Domingo, 16 de Outubro de 2016
FEIRA DAS MERCÊS FUNCIONA ATÉ 23 DE OUTUBRO

14606365_1160276240727330_1871008483739897541_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 21:21
link do post | favorito

FEIRA DAS MERCÊS FAZ RESSURGIR TEATRO POPULAR DE “ROBERTOS”

A típica feira saloia das Mercês está cada vez mais castiça. Depois de alguns anos de interrupção, eis que a mais afamada feira da região saloia regressa em força pelo segundo ano consecutivo, trazendo de volta antigos costumes e tradições. Desta vez, a novidade que merece especial realce é o teatro “Os Robertos”, uma das vertentes do teatro popular que apenas se preserva na memória das pessoas mais antigas.

Feira das Mercês 021.JPG

De rua em rua, de feira em feira, lá andava o bonecreiro com o cenário às costas e, sobretudo onde havia miudagem, lá montava ele o cenário por detrás do qual manipulava os bonecos que faziam o gáudio da garotada com as suas tropelias. E, na feira das Mercês, não podia faltar a representação de uma das mais usuais peças do teatro de “Robertos”, precisamente a toirada que fez as delícias das crianças que jamais imaginaram poder assistir a uma representação que noutros tempos divertiu os seus pais.

Feira das Mercês 034.JPG

As últimas edições da feira das Mercês possuem menos feirantes mas recuperou em grande medida o seu tipicismo, a alegria e o colorido do seu folclore, as especialidades da cozinha tradicional e do artesanato. E, ao mesmo tempo, recuperou os inúmeros visitantes de uma região já cosmopolita, pese embora a sua identidade saloia.

E, a marcar essa diversidade cultural, registe-se a participação dos minhotos que aqui residem, representados pelo Grupo Folclórico “As Florinhas” do Alto Minho, sediado no Algueirão, os quais trouxeram hoje ao recinto da feira das Mercês a alegria e o colorido do folclore do Alto Minho – gente alegre, humilde e trabalhadeira que facilmente se integrou socialmente na vida local e para o seu progresso contribui com o seu labor e espírito associativo.

Feira das Mercês 023.JPG

Feira das Mercês 004.JPG

Feira das Mercês 002 (1).JPG

Feira das Mercês 018.JPG

Feira das Mercês 037.JPG

Feira das Mercês 158.JPG

 

Feira das Mercês 159.JPG

Feira das Mercês 041.JPG

Feira das Mercês 058.JPG

Feira das Mercês 090.JPG

Feira das Mercês 091.JPG

 



publicado por Carlos Gomes às 20:05
link do post | favorito

Sábado, 15 de Outubro de 2016
TRADIÇÃO REGRESSA À FEIRA SALOIA DAS MERCÊS NO CONCELHO DE SINTRA

Já abriu no concelho de Sintra a Feiras das Mercês, considerada uma das mais emblemáticas feiras tradicionais da região saloia.

A Feira das Mercês está a recuperar a sua autenticidade e a grandeza que durante muito tempo fez dela a mais típica das feiras saloias do concelho de Sintra e de toda a região à volta de Lisboa. Após anos consecutivos de descaraterização e de ocorrências que chegaram a obrigar a sua suspensão, eis que a Feira das Mercês renasce nos moldes que sempre a caraterizaram ou seja, uma feira rural onde os agricultores da região saloia se divertem e vendem os primeiros frutos das suas colheitas de outono. E, como não podia deixar de acontecer, uma romaria à pequena mas graciosa capelinha de Nossa Senhora das Mercês, integrada no espaço patrimonial da quinta pertencente aos atuais marqueses de Pombal.

Feira das Mercês 031.JPG

As moças já não se “derretem” a ver os rapazes passar junto ao famoso muro do derrete e os frequentadores já são sobretudo os habitantes das novas urbanizações do concelho de Sintra, gente com as mais diversas origens. Saloios de verdade, nem vê-los!

Cabe aos componentes dos grupos folclóricos conferirem o ambiente típico de outros tempos, com os seus quadros etnográficos e a música solta dos acordeões. Mas, nas tasquinhas, não falta o vinho e a água-pé, o leitão assado, a carne de porco às Mercês e a famosa pera parda. E ainda as tendas onde se vende o feijão e o grão, os queijos e as castanhas e ainda as grandes barracas de comes e bebes.

Feira das Mercês 029.JPG

Como manda a tradição, a componente religiosa também foi cumprida com a realização da procissão de Nossa Senhora das Mercês cujo culto se invoca numa pequena capelinha situada dentro dos limites da quinta da “Casa Pombal”, a qual pertenceu aos marqueses de Pombal, espaço que conjuntamente com o solar encontra-se atualmente em estado de completa ruína.

Situada nos limites das freguesias de Rio de Mouro e de Algueirão-Mem Martins, crê-se que a tradicional Feira das Mercês remonte ao tempo da dominação moçárabe, à época utilizada como um mercado de escravas. Nesse local, terá existido uma espécie de gruta que, transformada mais tarde em ermida, passou a acolher os devotos à Senhora das Mercês.

Como manda a tradição, a componente religiosa também foi cumprida com a realização da procissão de Nossa Senhora das Mercês cujo culto se invoca numa pequena capelinha situada dentro dos limites da quinta da “Casa Pombal”, a qual pertenceu aos marqueses de Pombal, espaço que conjuntamente com o solar encontra-se atualmente em estado de completa ruína.

Feira das Mercês 017.JPG

Situada nos limites das freguesias de Rio de Mouro e de Algueirão-Mem Martins, crê-se que a tradicional Feira das Mercês remonte ao tempo da dominação moçárabe, à época utilizada como um mercado de escravas. Nesse local, terá existido uma espécie de gruta que, transformada mais tarde em ermida, passou a acolher os devotos à Senhora das Mercês.

Feira das Mercês 027.JPG

Para além da magnífica vista panorâmica que do local se disfruta para a serra de Sintra, a Feira das Mercês era também conhecida pela algazarra das suas gentes e os pregões, o colorido dos trajes das saloias e o aspeto patusco dos homens, ambiente excelentemente retratado pelo caricaturista e aguarelista Leal da Câmara cuja habitação, atualmente transformada em casa-museu, se situa paredes meias com o recinto da feira.

E, para completar essa aguarela tão característica dos usos e costumes das gentes da região saloia, recortamos o namoro pitoresco das moçoilas que, “trajadas com as suas melhores vestes se sentavam e esperavam pacientemente que algum dos rapazes vestidos de jaleca parasse e lhes piscasse o olho e assim declarasse o seu amor”. O local ficou para sempre conhecido como o “Muro do Derrete” e está consagrado na toponímia!

Feira das Mercês 022.JPG

Feira das Mercês 028.JPG

Feira das Mercês 010.JPG

Feira das Mercês 026.JPG

Feira das Mercês 006.JPG

Feira das Mercês 024.JPG

Feira das Mercês 005.JPG

Feira das Mercês 014.JPG

Feira das Mercês 011.JPG



publicado por Carlos Gomes às 17:48
link do post | favorito

Quinta-feira, 13 de Outubro de 2016
FEIRA DAS MERCÊS REABRE AMANHÃ NO CONCELHO DE SINTRA

14606365_1160276240727330_1871008483739897541_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 11:36
link do post | favorito

Quarta-feira, 12 de Outubro de 2016
MIRA SINTRA REGRESSA À IDADE MÉDIA

14700770_344649322553290_7777836967578882455_o.jpg



publicado por Carlos Gomes às 16:18
link do post | favorito

Sexta-feira, 23 de Setembro de 2016
SINTRENSES DESPEDEM-SE DE NOSSA SENHORA DO CABO ESPICHEL

14390756_1274185082615067_588752986856863143_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 11:06
link do post | favorito

Sábado, 10 de Setembro de 2016
QUELUZ REGRESSA AO SÉCULO XVIII

13921206_509432605920309_1279917278878581532_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 12:54
link do post | favorito

Quinta-feira, 8 de Setembro de 2016
QUELUZ REGRESSA AO SÉCULO XVIII

13921206_509432605920309_1279917278878581532_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 21:00
link do post | favorito

Segunda-feira, 5 de Setembro de 2016
"O CAMINHEIRO DE SINTRA" ORGANIZA VISITA CULTURAL NOTURNA À DESCOBERTA DOS FANTASMAS DO CASTELO

14183964_1089272027831282_970443686745654508_n (1).jpg



publicado por Carlos Gomes às 22:19
link do post | favorito

MEM MARTINS FESTEJA A NOSSA SENHORA DA NATIVIDADE

14088649_574910739368356_6311128929123962089_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 10:34
link do post | favorito

Sexta-feira, 2 de Setembro de 2016
QUELUZ REALIZA FEIRA SETECENTISTA

13921206_509432605920309_1279917278878581532_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 09:20
link do post | favorito

BELAS REALIZA FEIRA SALOIA

13925306_1090690221018554_5336828554133961825_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 09:17
link do post | favorito

Domingo, 28 de Agosto de 2016
BELAS REALIZA FEIRA SALOIA À MODA ANTIGA

13925306_1090690221018554_5336828554133961825_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 18:42
link do post | favorito

Sábado, 27 de Agosto de 2016
QUELUZ REALIZA FEIRA SETECENTISTA

13921206_509432605920309_1279917278878581532_n.jpg

 



publicado por Carlos Gomes às 16:23
link do post | favorito

Domingo, 21 de Agosto de 2016
EUROPA, EUROPA! TEATRO & JANTAR EM SINTRA

 

 

Europa, Europa!, de Miguel Real e Filomena Oliveira, é um espetáculo de teatro com componente multimédia e legendas em inglês

Estreia dia 02 de Setembro 2016 na Quinta da Ribafria em Sintra pela ÉTER – PRODUÇÃO CULTURAL, em parceria com a Câmara Municipal de Sintra.

INFORMAÇÕES GERAIS

Datas de Apresentação do Espetáculo: 2, 3, 4, 9, 10 e 11 de Setembro, às 21:30

Local: Quinta da Ribafria – Estrada da Várzea, 2710-403 – SINTRA

Preço de Entrada: 12,00€

Desconto 2€: Menores de 18, maiores de 65, Grupos de 10 ou pessoas.

Bilheteira: Sob Reserva, através de 929 130 721 e book@virtualeter.com

Pré-venda Online: Ticketline, Odisseias, Lifecooler

No Local, abre às 20h00

Datas Do Jantar Solidário: 2,3,9,10 de Setembro, às 20h00

Valor do Jantar: 8,00€ (este valor reverte a favor da Campanha NO NA VIVI que apoia o desenvolvimento de 10 Jardins de Infância na Guiné Bissau).

Jantar apenas sob reserva através do telefone 929 130 721 e do email book@virtualeter.com

Transporte Gratuito sob reserva e conforme disponibilidade, através do telefone 929 130 721 e do email book@virtualeter.com

BREVE SINOPSE Onde vais? Quem és tu? Que futuro, Europa?

Um casal com um bebé, vindo de um país em guerra, viaja num barco pneumático rumo à Europa. Em simultâneo vivem-se situações reveladoras do estado atual da sociedade europeia. 

Atores, imagens vídeo, música, orgânica sonora e luz criam, numa quinta renascentista do século XVI, uma visão da Europa no tempo presente. Inspirado nos 12 trabalhos de Hércules, 12 são os desafios que se colocam hoje à Europa para sobreviver como civilização.

APRESENTAÇÃO

Europa, Europa! explora esteticamente o atual estado civilizacional da Europa, com base na unidade dramaturgica do mito grego dos 12 trabalhos que Hércules teve de vencer para conquistar a imortalidade. Assim, também a Europa (representada por uma jovem com o nome "Europa") terá de vencer os seus pecados civilizacionais (riqueza financeira especulativa, perversão ambiental, violência urbana de origem étnica ou religiosa, individualismo feroz, consumismo, ausência de valores éticos firmes, tecnocracia impiedosa ou domínio desumano da tecnologia, desigualdades sociais, ausência de recursos naturais...) para conseguir a construção de uma unidade europeia futura realizável, porventura a maior das utopias do século XXI. Ou seja, uma nova Europa segundo o horizonte de uma sociedade assente nos direitos humanos, nos direitos ambientais e na dignidade da pessoa humana e, à semelhança do passado, como o grande continente da inquietação filosófica, da investigação científica e da criação estética.

EUROPA Cartaz A4 ENG .jpg



publicado por Carlos Gomes às 21:00
link do post | favorito

Quarta-feira, 13 de Julho de 2016
CRISTIANO RONALDO TEM GRAFITI EM RIO DE MOURO

SerraMinas-grafitis 012.JPG

Está a ser produzido em Rio de Mouro um grafiti de homenagem a Cristiano Ronaldo, personificando nele a gloriosa Seleção Portuguesa de Futebol que acaba de consagrar-se campeã da Europa.

Com o apoio da Junta de Freguesia de Rio de Mouro, o grafiti tem como suporte as paredes exteriores de uma cabine de eletricidade situada no bairro da Serra das Minas e está a atrair grande número de curiosos que não querem perder pitada do talento o artista.



publicado por Carlos Gomes às 22:06
link do post | favorito

Terça-feira, 12 de Julho de 2016
MEM MARTINS: ASSOCIAÇÃO DE REFORMADOS DE SACOTES COMEMORA 22 ANOS DE EXISTÊNCIA

Suzhou-font-b-embroidery-b-font-diy-font-b-embroidery-b-font-flower-and-birds-series (2).jpg

 


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 13:53
link do post | favorito

Sexta-feira, 17 de Junho de 2016
AUTOCARROS DA SCOTTURB POLUEM O AMBIENTE

“A empresa de transporte público ScottUrb que opera nos concelhos de Cascais, Sintra e Oeiras tem vindo a manter em circulação na via pública algumas viaturas emitindo gases poluentes em excesso, constituindo um atentado ao ambiente e á saúde pública” – foi nestes termos que, há quase um ano, o Blogue de Lisboa registou o péssimo estado em que as viaturas daquela empresa circulam na região, como se pode ler em http://bloguedelisboa.blogs.sapo.pt/autocarros-da-scotturb-poluem-o-296588

BL-RiodeMouro-Autocarropoluidor 004

Quase um ano decorrido desde a publicação daquela notícia, continuamos a verificar que a situação permanece inalterada: os autocarros da referida empresa continuam a poluir o ambiente, pelo que decidimos repetir o título da notícia. À semelhança do que então se verificou, não é difícil captarmos imagens de autocarros a circular nessas condições. Resta-nos a dúvida se, perante a lei, possuem algum estatuto de exceção!

Ironicamente, pode ler-se no site daquela empresa o seguinte: “Ciente do seu papel, a ScottUrb não esquece a sua responsabilidade social e ambiental enquanto empresa empregadora e prestadora de serviço público”.

Aguardemos, pois, que a “responsabilidade social e ambiental” da referida empresa venha a ter efeitos práticos!

BL-RiodeMouro-Autocarropoluidor 001



publicado por Carlos Gomes às 15:06
link do post | favorito

Quarta-feira, 8 de Junho de 2016
COMBOIOS DA LINHA DE SINTRA NÃO OFERECEM SEGURANÇA AOS PASSAGEIROS: BANDO DE DELINQUENTES AGRIDE VIOLENTAMENTE REVISOR DA CP

Reunião de urgência após agressão a revisor: CP pediu reunião com a PSP para tomar medidas de segurança.

O conselho de administração da CP - Comboios de Portugal pediu esta quarta-feira uma audiência, com caráter de urgência, ao Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, para que sejam tomadas medidas que salvaguardem a segurança de clientes e funcionários.

A decisão surge após a administração ter tido conhecimento, "com muita preocupação", de uma agressão a um revisor da empresa, com cerca de 40 anos e em exercício de funções, alegadamente cometida por um grupo de cerca de três dezenas de jovens, ao início da noite de terça-feira, na Damaia, Amadora.

"Esta agressão revestiu-se de particular gravidade, pela sua dimensão e violência, tendo este trabalhador da CP sido assistido por uma equipa do INEM no local e, posteriormente, no hospital.

A CP continua a acompanhar a evolução deste caso, prestando ao trabalhador em causa a assistência necessária", explica a empresa, em comunicado.

Face a "este caso extremo", a administração da CP informa que já solicitou uma audiência ao Comando Metropolitano de Lisboa da Polícia de Segurança Pública, "com caráter de urgência, para que sejam tomadas as medidas adequadas, que possam garantir a segurança de clientes e funcionários da CP a bordo dos seus comboios".

Os serviços urbanos da CP em Lisboa asseguram anualmente o transporte de mais de 75 milhões de passageiros, sendo que, no período de verão se registam picos de procura. Contactado pela agência Lusa, o Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP confirma a receção do pedido para a reunião.

Reforço do policiamento

O Cometlis anunciou que reforçou hoje o policiamento junto às praias, principalmente da Linha de Cascais, assim como nos transportes públicos, nomeadamente nos comboios que circulam nas Linhas de Cascais e Sintra. Este reforço de policiamento será "mais efetivo e acentuado" a partir da próxima semana, quando terá início a operação "Verão Seguro".

Em relação às agressões ao revisor, o Cometlis diz que continuam as investigações, com a inquirição de testemunhas e a visualização das imagens gravadas no interior do comboio, acrescentando que, até ao momento, "não há suspeitos identificados".

Luís Bravo, do Sindicato Ferroviário da Revisão e Comercial Itinerante (SFRCI), relatou à Lusa que a vítima teve alta do Hospital Amadora/Sintra por volta das 02h00, e está em casa de baixa médica a recuperar "da agressão violenta que envolveu pontapés e murros na cara".

O dirigente sindical contou que o episódio de violência aconteceu pelas 20:30, quando o revisor tentou proteger os passageiros e interveio no sentido de parar os desacatos que o grupo de 20/30 jovens estaria a provocar junto das pessoas que estavam no comboio.

Segundo Luís Bravo, parte deste grupo saiu na estação da Damaia, enquanto os restantes seguiram noutro comboio em direção a Rio de Mouro, na Linha de Sintra, "onde continuaram a provocar mais desacatos".

O sindicalista disse que estas situações são mais recorrentes no período das férias escolares, e anuncia que a direção deste sindicato vai pedir um reforço policial. "O SFRCI vai usar todos os meios ao seu dispor, para que o comando da PSP decida o mais rapidamente possível pela colocação do Corpo de Intervenção nas estações e comboios na zona urbana de Lisboa, pois o clima de impunidade não pode prevalecer perante criminosos que põem em causa a segurança de trabalhadores e clientes da CP", alertou Luís Bravo.

Fonte: Lusa



publicado por Carlos Gomes às 21:17
link do post | favorito

Segunda-feira, 6 de Junho de 2016
LA OTRA PELA PRIMEIRA VEZ EM PORTUGAL

A cantautora espanhola La Otra apresenta-se entre nós no final de Junho para uma pequena digressão que contempla datas em Lisboa, Braga e Coimbra.

LaOtra_cartaz.png

Esta será a primeira visita da cantora madrilena ao nosso país, com o propósito de apresentar as canções do seu último álbum de originais Pa’ fuera y pa’ dentro”, editado no ano passado.

A digressão compreende as seguintes datas:

23.06 | The Murphys Irish Pub, Coimbra

24.06 | Convento do Carmo, Braga

25.06 | Brave Soul, Sintra

26.06 | Crew Hassan, Lisboa

Os bilhetes encontram-se à venda nos locais habituais e na plataforma online The Store.

La Otra é o alter-ego artístico de Isabel de Mesa Casanova, jovem madrilena de 24 anos que começou a escrever por necessidade na adolescência, durante uma crise de solidão. Usou a música para se curar desenvolvendo o hábito de usar a mesma para sarar todas as feridas.

A forma como a sociedade em que vivemos está organizada foi uma fonte incrível de inspiração para canções simples e melódicas compostas na guitarra acústica e com uma intimidade palpável, já depositadas em dois registos de estúdio: “Amanecer Luchando” (2011) e o mais recente “Pa’ fuera y pa’ dentro” (2015), que virá agora apresentar e partilhar com o público português.



publicado por Carlos Gomes às 19:42
link do post | favorito

Sexta-feira, 3 de Junho de 2016
CASA DO CONCELHO DE RESENDE REALIZA FESTA DA CEREJA



publicado por Carlos Gomes às 06:39
link do post | favorito

Domingo, 8 de Maio de 2016
CRIANÇAS DE SINTRA VIAJAM À IDADE MÉDIA



publicado por Carlos Gomes às 10:34
link do post | favorito

SINTRA: FEIRA DE MAIO REGRESSA À AGUALVA



publicado por Carlos Gomes às 09:42
link do post | favorito

Quinta-feira, 28 de Abril de 2016
RIO DE MOURO ORGANIZA CONFERÊNCIAS DO CASINO



publicado por Carlos Gomes às 10:51
link do post | favorito

Terça-feira, 26 de Abril de 2016
PRESIDENTE DA REPÚBLICA INAUGURA EM SINTRA MUSEU COM NOME INGLÊS

O Presidente da República inaugurou ontem na vila de Sintra um museu com nome inglês – o NewsMuseum, numa cerimónia contou com ainda com a presença do Primeiro-ministro, Dr. António Costa e ainda do Dr. Pedro Passos Coelho.

NewsMuseum

O museu “inglês” que acaba de ser inaugurado ocupa as antigas instalações do Museu do Brinquedo, extinto em consequência da legislação que impedia o financiamento municipal à respetiva fundação, o que poderá eventualmente justificar a presença do anterior primeiro-ministro nesta cerimónia.

O NewsMuseum é constituído por 25 módulos temáticos entre os quais se incluem jornalismo de guerra, desportivo, rádio e fotojornalismo.

Para quem muito se melindra com a eliminação de meia-dúzia de consoantes mudas num acordo ortográfico, a aceitação da atribuição de uma denominação em idioma inglês a um museu que deveria constituir um veículo de promoção da Língua portuguesa por via da comunicação social é bastante surpreendente… e repudiável!



publicado por Carlos Gomes às 22:44
link do post | favorito

"MEMORIAL DO CONVENTO" DE JOSÉ SARAMAGO SOBE AO PALCO NO CENTRO CULTURAL OLGA CADAVAL EM SINTRA

A ÉTER – Produção Cultural apresenta no Centro Cultural Olga Cadaval em Sintra, dia 6 de Maio, às 22 horas o espectáculo de Teatro "Memorial do Convento", em cena há 9 anos, visto por mais de 200 mil pessoas de todo o país.

Gratuito para o Público do espectáculo a ÉTER em parceria com a ÚNICA-Mixing Cultures oferecem a Instalação Multimédia “CABAÇA”, no MU.SA – Museu das Artes de Sintra, uma experiência interactiva baseada na atmosfera característica da Guiné-Bissau e da sua diversidade cultural em forma de som, vídeo, luz.

MEMORIAL DO CONVENTO

Teatro

“O homem primeiro tropeça, depois anda, depois corre, um dia voará. (...) Baltasar, tu és Sete-Sóis porque vês às claras e tu, Blimunda, serás Sete-Luas porque vês às escuras.”

Unidos por um amor maravilhoso, Blimunda e Baltasar reúnem-se a Padre Bartolomeu de Gusmão e ao seu sonho de voar. A Passarola, máquina voadora, misto de barco e de pássaro, nasce do saber científico de Padre Bartolomeu, da força de trabalho de Baltasar e dos poderes de Blimunda recolhendo as vontades humanas (“as nuvens fechadas”) que alimentarão a máquina e a farão voar. A história encantada, que revolucionou a literatura portuguesa, do nascimento de um convento no século XVIII. Na presente adaptação dramatúrgica, a relação dinâmica entre os cinco atores, a música original, a luz e os espaços cénicos dão vida a dezassete personagens e a momentos essenciais de Memorial do Convento.

FICHA TÉCNICA E ARTÍSTICA

TEXTO

José Saramago

ADAPTAÇÃO DRAMATÚRGICA

Filomena Oliveira e Miguel Real

ENCENAÇÃO

Filomena Oliveira

ORGÂNICA SONORA E MÚSICA ORIGINAL

David Martins

VOZ Andreia João | Piano Sandra Nunes

INTERPRETAÇÃO

Leonor Cabral | Pedro Oliveira | Rogério Jacques Hugo Bettencourt | João de Brito DESENHO E OPERAÇÃO LUZ

Carlos Arroja

OPERAÇÃO SOM

David Martins

LEGENDAGEM

José Ricardo

CRIAÇÃO E ADAPTAÇÃO DO ESPAÇO CÉNICO

Carlos Arroja | Vitor Fernandez

GUARDA-ROUPA E ADEREÇOS

Éter | Câmara dos Ofícios

FOTOGRAFIA

André Rabaça | Edgar d’Oliveira | Filipa Vieira

ASSISTENTE DE PRODUÇÃO

Cláudia Faria | Inês Oliveira Martins

PRODUÇÃO

ÉTER-Produção Cultural

CABAÇA

Instalação Multimédia Interactiva

Uma experiência interactiva baseada na atmosfera característica da Guiné-Bissau e da sua diversidade cultural em forma de som, vídeo, luz e cenografia. “Cabaça” pretende revelar o mais belo da Guiné-Bissau, chamando ao mesmo tempo a atenção para os problemas patentes em países em vias de desenvolvimento, sensibilizando o visitante a actuar no seio da sociedade para uma maior harmonia na humanidade.

Concepção Instalação: José Ricardo | David Martins.

Apoie 10 jardins de infância na Guiné-Bissau entregando brinquedos, materiais escolares ou paracetamol na bilheteira do espectáculo. Uma acção ÚNICA - Mixing Cultures.

Dia 6 de Maio

21h - MU.SA - Museu das Artes de Sintra - INSTALAÇÃO MULTIMÉDIA

22h Centro Cultural Olga Cadaval TEATRO

Bilhetes à Venda na TicketLine e no Local (info e reservas) 219 107 110



publicado por Carlos Gomes às 14:43
link do post | favorito

Sábado, 23 de Abril de 2016
SINTRA: MASSAMÁ E MONTE ABRÃAO FESTEJAM 25 DE ABRIL

Desde ontem, o Parque Urbano Felício Loureiro, junto ao Palácio Nacional de Queluz está a registar muita animação. Trata-se das comemorações do 42º aniversário do 25 de abril e conta com música, gastronomia, artesanato e divertimentos infantis.

Queluz - feira 005

A iniciativa é da União das Freguesias de Massamá e Monte Abrãao e decorre até à próxima segunda-feira.

Participam neste evento numerosas entidades e associações culturais da localidade num palco propositadamente instalado no local. O referido parque urbano constitui um sítio aprazível que convida os munícipes a um momento de lazer e diversão.

Queluz - feira 002

Queluz - feira 004

Queluz - feira 003

Queluz - feira 001

Queluz - feira 007

Queluz - feira 009

Queluz - feira 008

Queluz - feira 011

Queluz - feira 012



publicado por Carlos Gomes às 21:17
link do post | favorito

Quarta-feira, 20 de Abril de 2016
COMBOIOS DA LINHA DE SINTRA SÃO ALVO DE VANDALISMO

As composições ferroviárias que circulam nomeadamente na Linha de Sintra são frequentemente alvo de atos de vandalismo como as fotos feitas dentro da estação do Rossio documentam.

LX - Arco Rua Augusta 004

Na estação de Campolide, o cenário é confrangedor. As composições acumulam-se no parque ferroviário a aguardar a necessária ação de limpeza e restauro. Porém, como os serviços não são capazes de dar resposta face ao elevado número de composições vandalizadas, os comboios circulam com o aspeto degradante que as imagens documentam, tornando não raras as vezes as janelas opacas face à luz exterior e impedindo a visibilidade por parte de quem viaja.

Para além dos habituais utentes, estes comboios são atualmente muito utilizados por turistas estrangeiros nas suas deslocações entre Lisboa e Sintra. Ao circularem neste miserável estado, os comboios da CP na linha de Sintra dão uma imagem deveras degradante do serviço que prestam e do próprio país.

A lavagem e o restauro dos comboios constituem mais uma despesa a onerar os utentes da CP e os contribuintes em geral. Já vai sendo tempo de colocar cobro a esta situação!

LX - Arco Rua Augusta 003

LX - Arco Rua Augusta 002

LX - Arco Rua Augusta 001


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 22:44
link do post | favorito

Quarta-feira, 13 de Abril de 2016
IN CHAOS AO VIVO NO OKTANAS, NO CACÉM

Os In Chaos apresentam-se ao vivo esta sexta-feira, dia 15 de abril, pelas 22h30 no Oktanas, um espaço de concertos no Cacém.

O concerto insere-se nos eventos de apresentação do álbum de estreia, “From Chaos Rises Order”, editado no passado mês de março com o selo da Music In My Soul, e do qual já é conhecido o single “Misunderstand”.

Os In Chaos são uma banda de heavy/thrash-metal composta por André Marinho (baixo e voz), Bernardo Baptista (guitarra-ritmo), Jorge Martins (guitarra-solo) e Luis Meco (bateria).

Nascem em Portugal em 2009 e contam com alguns espetáculos ao vivo, nomeadamente no Hard Rock Caffe, no Side B e no Rock ‘n’ Shots. Contam também com uma participação no concurso Rock Rendez Worten 2011, no qual foram apadrinhados por Fernando Ribeiro

(Moonspell) e a banda vencedora da categoria Metal. Durante este tempo a banda trabalhou na pré-produção do seu álbum de originais. Já em 2012, os In Chaos juntam-se com o produtor Daniel Cardoso, da UltraSound Studios, para produzir o primeiro álbum da banda. Todos os membros têm um percurso pelo mundo da música nomeadamente em bandas de covers e originais.

As suas influências que remontam a grandes nomes como Pantera, Metallica e Megadeth, juntamente com o gosto pela música, deram origem a este projeto de originais. A banda traz uma nova abordagem ao mundo do metal atual, combinando a atitude a um estilo que há muito perdeu o que o nome o define. Os In Chaos provam que heavy-metal pode ser sujo e limpo ao mesmo tempo, através de um som poderoso com melodias audíveis até para o mais ínfimo apreciador de música.



publicado por Carlos Gomes às 11:06
link do post | favorito

RIO DE MOURO COMEMORA 25 DE ABRIL



publicado por Carlos Gomes às 09:41
link do post | favorito

Sexta-feira, 8 de Abril de 2016
ENTRADAS PARA OS COMBOIOS NA LINHA DE SINTRA NÃO OFERECEM CONDIÇÕES DE SEGURANÇA

Contam com menos de duas décadas, as composições que circulam na linha ferroviária de Sintra. Não obstante, as entradas para os comboios não oferecem condições de segurança aos passageiros. A distância em altura ou afastamento da porta de entrada em relação ao piso do cais, varia de estação e apeadeiro, sucedendo nalguns casos ser difícil de transpor por parte de pessoas mais idosas e deficientes motores como sucede na estação do Oriente.

FIL - Happy Life 006

A comprovar e como forma de remediar a situação, os passageiros são permanentemente alertados dos riscos que correm por meio de uma mensagem gravada que é emitida sempre que o comboio se aproxima de uma estação ou apeadeiro

Há perto de vinte anos, procedeu-se à remodelação das linhas de Sintra e Alverca, construindo-se novas estações e apeadeiros, incluindo os respetivos cais de embarque. Lá andaram os porta-miras e os topógrafos de teodolitos às costas, para medir os ângulos que determinariam com exatidão o nivelamento do terreno, tudo fazendo prever que os pisos dos cais de embarque ficariam rigorosamente ao nível e a curta distância da entrada das composições ferroviárias. Aliás, tal como sucede desde há muitas décadas com as composições que circulam na linha de Cascais.

FIL - Happy Life 021

À falta de rigor matemático, foi acrescentado um degrau que, para além dos riscos que comporta, nunca se encontra ao mesmo nível do piso dos apeadeiros, sucedendo por vezes que por precaução, as portas não são abertas a fim de prevenir uma eventual queda de um passageiro diretamente para a linha do comboio como sucede na estação do Rossio. E, para contentar as pessoas que se deslocam em cadeira de rodas, lá improvisaram a colocação de uma prancha, à semelhança das que se utilizam nos navios.

O serviço é deficiente em termo de segurança. Resta saber se também possui a certificação da qualidade!



publicado por Carlos Gomes às 21:25
link do post | favorito

Quinta-feira, 18 de Fevereiro de 2016
MINHOTOS FESTEJAM EM MEM MARTINS ANIVERSÁRIO DO GRUPO FOLCLÓRICO AS FLORINHAS DO ALTO MINHO

O Grupo Folclórico As Florinhas do Alto Minho comemora 13 anos de existência a representar o folclore do Minho na região de Lisboa. Sediado no concelho de Sintra, mais concretamente em Sacotes, na Freguesia de Algueirão-Mem Martins, este agrupamento é constituído maioritariamente por minhotos oriundos do concelho de Paredes de Coura e seus descendentes.

A festa do seu aniversário vai ter lugar no próximo dia 6 de março, a partir das 12h30, nas suas instalações sitas em Sacotes, na Rua da Beijoquinha, Vivenda Esteves, no Algueirão.

Para participar nesta festa basta fazer a reserva de lugares (contribuição de 10 Florinhas por pessoa) para o seguinte número: 917242171 - Sr. Manuel Esteves

Programa:

13:00 - Almoço de convívio em celebração ao aniversário do grupo. A ementa será Feijoada à Minhota.

15:30 - Início da atuação de Eugénio Palma e seu acordeão num lindo cantar alentejano, seguido da atuação do Grupo Folclórico As Florinhas do Alto Minho.

17:30 - Cantar dos Parabéns ao Grupo Folclórico e partilha do seu bolo de Aniversário.

FlorinhasAltoMinho 035

FlorinhasAltoMinho 119



publicado por Carlos Gomes às 22:50
link do post | favorito

Sábado, 6 de Fevereiro de 2016
REGIÃO SALOIA DE SINTRA MARCA PRESENÇA EM LOURES NO ENCONTRO DE CULTURAS VERDE MINHO

O Grupo de Bombos das Mercês e o Rancho Folclórico As Vendedeiras Saloias de Sintra representam a região saloia e o concelho de Sintra

O Rancho Folclórico e Etnográfico “Verde Minho”, leva a efeito no próximo dia 28 de Maio, na cidade de Loures, mais uma grandiosa edição do Encontro de Culturas Verde Minho.

Verde Minho - Loures 186

O festival tem como cenário a magnífica réplica das ruínas de S. Paulo, em Macau, a qual serviu de fachada ao Pavilhão de Macau na Expo’98. Naquele local vão desfilar os usos e costumes das nossas gentes, exibindo as suas tradições, as danças e cantares, ao som da concertina e do cavaquinho e ao ritmo dos bombos e dos reco-recos, das castanholas e dos ferrinhos, mostrando como se canta e dança o vira e o malhão, a chula a rusga e a cana-verde.

Verde Minho - Loures 017

Pelas 16 horas no Parque da Cidade, serão abertos os pavilhões, com artesanato e gastronomia do Minho, animados por vários grupos de tocadores em concertina.

Às 17,30 horas terá lugar a entrega de lembranças e imposição de insígnias nos estandartes dos grupos, em cerimónia solene a ter lugar no Salão Nobre do Município de Loures. Às 18,00 horas, dar-se-á início ao Desfile Etnográfico a partir do largo fronteiro aos Paços do Concelho, rumo ao Jardim da Cidade. Às 19,00 horas, os grupos realizam um Jantar convívio no Restaurante CopaCabana. E, finalmente, às 21,00 horas, ocorrerá a exibição em palco, no Jardim da Cidade, dos grupos participantes.

Além do Rancho Folclórico “Os Moleiros da Ribeira”, de Olival, participam ainda no evento o Grupo de Bombos Zés Pereiras os Baianenses – Baião (Alto Douro); o Grupo de Bombos da Associação de Melhoramentos das Mercês – Mem Martins, Sintra (Região Saloia); o Rancho Folclore da Aguçadoura - Povoa de Varzim (Douro Litoral); o Rancho Folclórico As Vendedeiras Saloias de Sintra – Mem Martins, Sintra (Região Saloia); o Rancho Folclórico D. Nuno Alvares Pereira -Leça do Balio – Matosinhos (Douro Litoral) e, naturalmente, o anfitrião Grupo Folclórico e Etnográfico Verde Minho – (Minho), sediado em Loures.

Constituído por minhotos e seus descendentes, o Grupo Folclórico e Etnográfico Verde Minho conta mais de duas décadas de existência a representar na região de Lisboa os usos e costumes das gentes do Minho, contribuindo simultaneamente para a preservação da sua identidade.

Verde Minho - Loures 099



publicado por Carlos Gomes às 13:33
link do post | favorito

Quarta-feira, 3 de Fevereiro de 2016
RIO DE MOURO REALIZA ENTERRO DO BACALHAU



publicado por Carlos Gomes às 19:11
link do post | favorito

RIO DE MOURO FESTEJA O CARNAVAL



publicado por Carlos Gomes às 13:37
link do post | favorito


mais sobre mim
pesquisar
 
Julho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9

22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


posts recentes

RIO DE MOURO PREPARA-SE P...

SINTRA: BELAS REALIZA FES...

CANTE ALENTEJANO DESFILA ...

RIO DE MOURO REGRIDE NA R...

CONTENTORES DE LIXO BLOQU...

SINTRA: AGUALVA REGRESSA ...

SINTRA INAUGURA PARQUE UR...

RIO DE MOURO ASSINALA 25 ...

BELAS RECEBE CLUEDO TEATR...

COMBOIOS DA LINHA DE SINT...

RIO DE MOURO FAZ ENTERRO ...

SINTRA: BELAS RECEBE CANT...

SINTRENSES FAZEM MAGUSTO ...

FOLCLORISTAS DEBATEM EM A...

SINTRENSES FESTEJAM O S. ...

FEIRA DAS MERCÊS FUNCIONA...

FEIRA DAS MERCÊS FAZ RESS...

TRADIÇÃO REGRESSA À FEIRA...

FEIRA DAS MERCÊS REABRE A...

MIRA SINTRA REGRESSA À ID...

SINTRENSES DESPEDEM-SE DE...

QUELUZ REGRESSA AO SÉCULO...

QUELUZ REGRESSA AO SÉCULO...

"O CAMINHEIRO DE SINTRA" ...

MEM MARTINS FESTEJA A NOS...

QUELUZ REALIZA FEIRA SETE...

BELAS REALIZA FEIRA SALOI...

BELAS REALIZA FEIRA SALOI...

QUELUZ REALIZA FEIRA SETE...

EUROPA, EUROPA! TEATRO & ...

CRISTIANO RONALDO TEM GRA...

MEM MARTINS: ASSOCIAÇÃO D...

AUTOCARROS DA SCOTTURB PO...

COMBOIOS DA LINHA DE SINT...

LA OTRA PELA PRIMEIRA VEZ...

CASA DO CONCELHO DE RESEN...

CRIANÇAS DE SINTRA VIAJAM...

SINTRA: FEIRA DE MAIO REG...

RIO DE MOURO ORGANIZA CON...

PRESIDENTE DA REPÚBLICA I...

"MEMORIAL DO CONVENTO" DE...

SINTRA: MASSAMÁ E MONTE A...

COMBOIOS DA LINHA DE SINT...

IN CHAOS AO VIVO NO OKTAN...

RIO DE MOURO COMEMORA 25 ...

ENTRADAS PARA OS COMBOIOS...

MINHOTOS FESTEJAM EM MEM ...

REGIÃO SALOIA DE SINTRA M...

RIO DE MOURO REALIZA ENTE...

RIO DE MOURO FESTEJA O CA...

arquivos

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

tags

todas as tags

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds