Blogue de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes de Lisboa e arredores
Quinta-feira, 12 de Abril de 2018
PARTIDO "OS VERDES" EXIGE ABERTURA DE NOVAS CANDIDATURAS PARA AGRICULTORES AFETADOS PELOS INCÊNDIOS FLORESTAIS DE OUTUBRO DE 2017

Será discutido amanhã, dia 13 de abril, em Plenário da Assembleia da República o Projeto de Resolução Nº 1492/XIII/3ª do Grupo Parlamentar os Verdes que recomenda ao Governo a abertura de uma nova fase de candidaturas simplificadas, até aos 5 mil euros, e de candidaturas no âmbito da medida 6.2.2 (Restabelecimento do Potencial Produtivo) do PDR 2020, com projetos acima dos 5 mil euros.

Esta proposta visa permitir que quem não o fez no período anterior, possa apresentar a sua candidatura, ou a permitir que quem o fez no período anterior, possa proceder às correções que considere necessárias e que os agricultores afetados pelos incêndios, que tiveram prejuízos superiores a 5 mil euros, mas que, pelos mais diversos motivos, optaram pela candidatura ao regime simplificado, possam igualmente apresentar candidaturas e projetos acima dos 5 mil euros que não foram suportados pela candidatura simplificadas.

Neste dia será ainda  o Projeto de Resolução Nº 1493/XIII/3ª do PEV que recomenda o apoio à agricultura familiar como forma de garantir a gestão e manutenção do espaço rural.



publicado por Carlos Gomes às 15:56
link do post | favorito

MÁRIO MATA CONCRETIZA “REGRESSO” COM MÚSICA POPULAR PORTUGUESA

O cantautor revisita a sua carreira em 3 concertos imperdíveis, em maio, no Porto, Coimbra e Lisboa

Mário Mata é um nome incontornável no panorama musical nacional, no qual partilha a sua Música há quase 40 anos. Nela, sobressai a rebeldia, o sarcasmo, a inquietação, mas também a esperança, o sonho e muita vontade de gerar cumplicidades.

Mário Mata - concertos maio

É com este espírito que Mário Mata está de volta aos palcos, com um novo espetáculo intitulado “Música Popular Portuguesa”, dia 04 de maio no Passos Manuel no Porto, dia 10 de maio no Conservatório de Coimbra e na capital dia 25 de maio, no espaço LAV - Lisboa Ao Vivo.

Nos concertos, não faltarão todos os seus êxitos populares: “Faz-te à vida”, “Somos Portugueses”, “Há dias de manhã”, “Sou do contra”, “Vamos lá falar”, e claro, “Não há nada pra ninguém”, entre outras. O público poderá igualmente ouvir temas do mais recente álbum, “Regresso”, editado em 2017, no qual o músico revisita memórias, acrescenta novidades, entre doçuras e amarguras.

Os concertos “Música Popular Portuguesa” trazem músicas antigas com roupagem nova e novas canções, sempre com enfoque na Música Popular Portuguesa. Mário Mata traz também a palco convidados de luxo. No Porto, José Cid e João Grande (Táxi) darão o mote para duetos imperdíveis. Em Coimbra, participam, entre outros, Fausto Bordalo Dias, José Cid e Né Ladeiras. Para os duetos de Lisboa, voltam a palco com Mário Mata, Fausto, José Cid, e a eles se junta Sebastião Antunes (Quadrilha), entre outros participantes.

Para os 3 concertos, que se prevêem memoráveis, os músicos que integram o projecto são igualmente de peso, com Alexandre Reis na bateria e percussões, André Varandas nos pianos, sintetizadores, acordeão e voz, António Ferro na viola baixo, Tiago Bessa nas guitarras braguesa e bandolim e Mário Mata na voz e guitarra, claro!

Os bilhetes encontram-se à venda nos locais habituais e, ainda, em Ticketline.pt.

https://ticketline.sapo.pt/evento/mario-mata-musica-pra-pular-portuguesa-32644

https://www.facebook.com/mariomataoficial/


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 14:34
link do post | favorito

ENCONTRO DE CONCERTINAS JUNTA PAMPILHOSENSES EM LISBOA

30581748_10211632133025546_2880153354653174507_n



publicado por Carlos Gomes às 10:09
link do post | favorito

MUSEU DE MARINHA EXPÕE SOBRE A GRANDE GUERRA

O Museu de Marinha vai inaugurar no próximo dia 18 de abril, às 17 horas, uma exposição dedicada à participação da Marinha Portuguesa na I Guerra Mundial, intitulada “A Marinha na Grande Guerra”.

image001

Com o deflagrar do conflito armado que se generalizou entre as principais potências europeias em 1914, Portugal viu-se perante o desafio de manter uma posição de não-beligerância, assegurando de igual modo a soberania sobre os territórios nacionais. À Marinha Portuguesa competiu a salvaguarda dos interesses do Estado nas águas nacionais, na metrópole e nas colónias, garantindo a defesa e vigilância dos portos, da navegação e das principais vias de comunicação marítima.

E, passados cem anos, o grande desafio da exposição passa por manter a memória de todos aqueles que, em terra e no mar, intervieram e participaram na Grande Guerra, entre 1914 e 1918, alguns inclusive com o sacrifício da própria vida, garantindo dessa forma a defesa de Portugal.

A exposição é temporária e estará em exibição entre 18 de abril e 11 de novembro de 2018. De salientar que a exposição é gratuita, na medida em que visitar a exposição permanente do Museu de Marinha, que custa entre 3,25€ e 6,50€, dará também acesso a visitar a exposição temporária, sem qualquer custo adicional.



publicado por Carlos Gomes às 09:50
link do post | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Agosto 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13
15
16
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


posts recentes

FEDERAÇÃO DO FOLCLORE POR...

CASA DO MINHO EM LISBOA L...

GALEGOS EM LISBOA APRESEN...

BAIRRO LISBOETA DA BELA F...

PAN SOLIDARIZA-SE COM AS ...

ESTAÇÃO BAIXA-CHIADO DO M...

PAN QUER SABER O QUE VAI ...

PINTURA EM LOURES DA AUTO...

GONDOMAR RECEBE ESTE ANO ...

METROPOLITANO DE LISBOA R...

SINTRA ESTÁ UM CAOS: LIXO...

SINTRA: BELAS ESTÁ EM FES...

RIO DE MOURO: PARECE ANED...

OS PORTUGUESES SÃO UM POV...

RIO DE MOURO: RIBEIRA DA ...

SINTRA: RIO DE MOURO CONT...

SINTRA: SERÁ QUE EM RIO D...

RIO DE MOURO: ENQUANTO NÃ...

ARTÉRIAS MOVIMENTADAS DE ...

FUNDÃO: 'FILHAS DO MONTE'...

PAN QUESTIONA GOVERNO SOB...

BOMBEIROS DE CAMARATE DES...

SINTRA: É PRECISO ACABAR ...

MUNICÍPIO RECUPERA JARDIN...

AMADORA: ALFRAGIDE É PALC...

QUEM AINDA SE LEMBRA DO R...

APEADEIRO DE CAXIAS ESTÁ ...

RIO DE MOURO NECESSITA DE...

RIO DE MOURO: CONTENTOR S...

PORQUE NÃO SE LIMPAM AS M...

QUINTA REAL DE CAXIAS: O ...

PAN QUER QUE OS TOUREIROS...

ALHOS VEDROS REALIZA FEST...

METRO PROMOVE VISITAS GUI...

RIO DE MOURO: ASSIM VALE ...

PAN QUER LIMITAR A CAÇA

RIO DE MOURO. SÃO AS TAMP...

SMAS DE SINTRA TEM CERTIF...

CONTENTORES SUBTERRÂNEOS ...

QUER CHAMAR UM TÁXI EM RI...

JARDINS DE RIO DE MOURO E...

RIO DE MOURO: ATÉ OS CAIX...

APEADEIRO DE CAXIAS ENTRO...

ESCOLA PRIMÁRIA DE RIO DE...

FOI A ATITUDE DO CÔNSUL A...

METRO DE LISBOA REFORÇA O...

PRESIDENTE DA CONFEDERAÇÃ...

DESFOLHADA DO MILHO E ENC...

MINHOTOS EM LOURES PREPAR...

JUNTA DE FREGUESIA DE RIO...

arquivos

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

tags

todas as tags

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds