Blogue de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes de Lisboa e arredores
Quinta-feira, 22 de Novembro de 2018
GRUPO FOLCLÓRICO VERDE MINHO EDITA EM LIVRO CONFERÊNCIA DO DR. AUGUSTO FLOR ACERCA DO ASSOCIATIVISMO E FOLCLORE

O Grupo Folclórico Verde Minho acaba de editar em livro a palestra proferida em Loures pelo Dr Augusto Flor, Presidente da Confederação Portuguesa das Coletividades de Cultura, Recreio e Desporto, subordinada ao tema “Rodopiando entre a tradição e a inovação – o Folclore como causa”.

Capturarcccr

Do livro do Doutor Augusto Flor transcrevemos o respectivo prefácio:

O associativismo popular tem as suas origens no liberalismo e, sobretudo, na intervenção do Partido Republicano e da Maçonaria como uma forma de influenciar as camadas populares para a sua causa. Assim nasceram inúmeras agremiações culturais e recreativas que se dedicaram às mais variadas actividades, desde a instrução ao ensino musical através das bandas filarmónicas, o teatro, desporto, à beneficiência e à cultura e recreio.

Criadas sobretudo a partir de meados do século XIX, muitas dessas colectividades de desporto, cultura e recreio surgiram a partir de grupos excursionistas, almoçaristas e recreativos que surgiam nas tabernas de minhotos e galegos nos bairros antigos de Lisboa, do qual ainda se guardam magníficos quadros que aí permaneciam expostos.

As chamadas “casas regionais” surgem com o advento da industrialização, em Portugal verificada a partir da segunda metade do século XIX, no período que ficou historicamente conhecido por “Regeneração” e “Fontismo”, época em que por circunstâncias várias se registam enormes levas de gentes dos meios rurais para as grandes cidades e até para o estrangeiro, aproveitando as novas vias de comunicação ferroviárias.

Por sua vez, o associativismo folclórico aparece como uma natural consequência dessa migração interna, produzida pelas gentes migradas na ânsia de preservar a sua identidade – em território nacional ou no estrangeiro! – transmitindo o legado aos seus descendentes e cultivando o afecto pela Pátria e a terra de origem.

Ora, por mais que rodopiemos entre a tradição e a inovação, a manutenção da nossa identidade jamais seria possível sem a preservação das nossas tradições, uma vez que a inovação pressupõe a sua alteração e adaptação às mudanças operadas pelo tempo e as transformações sociais e culturais.

IMG_8123



publicado por Carlos Gomes às 20:53
link do post | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
15
17
18

20
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

PORTUGUESES QUEREM ORDEM,...

PAN QUER COMBATER A SOLID...

CASA DO CONCELHO DE TOMAR...

PAN QUER PROIBIR COMBUSTÍ...

PORTAL DO FOLCLORE PORTUG...

QUEM NUNCA PROVOU O DELIC...

CASA DO CONCELHO DE TOMAR...

PARLAMENTO DEBATE PROPOST...

PAN REPUDIA DIA DA TAUROM...

PAN QUESTIONA ILEGALIDADE...

VAI HAVER SARRABULHO EM L...

PAN PROPÕE CRIAÇÃO DE VIS...

BOMBOS DA ASSOCIAÇÃO “US ...

CONVENTO DOS CARDAES REAL...

RANCHO FOLCLÓRICO DA RIBE...

RANCHO FOLCLÓRICO DA RIBE...

METRO DE LISBOA ABERTO TO...

METRO DE LISBOA ASSINALA ...

GABINETE DO PRIMEIRO-MINI...

GRUPO DE DANÇAS E CANTARE...

RIO DE MOURO… É UM PERIGO...

PAN DESEJA BOAS FESTAS AO...

LISBOA: ORÇAMENTO DA CIDA...

CONVENTO DOS CARDAES REAL...

PAN VÊ REJEITADA PROPOSTA...

PROGESTUR DESEJA BOAS FES...

FUNDAÇÃO INATEL DESEJA BO...

REGIÃO DE LISBOA VAI AMAN...

FUNDAÇÃO INATEL DESEJA BO...

PAN PROPÕE ALTERAÇÕES AO ...

PAN QUER CRIMINALIZAR COM...

IGREJA MATRIZ DE LOURES: ...

FEDERAÇÃO DO FOLCLORE POR...

GOVERNO RECONHECE "UTILID...

AUTARQUIAS LOCAIS APENAS ...

PAN DESEJA BOAS FESTAS AO...

PAN QUER DIFERENCIAR PLÁS...

IGREJA DE SANTO AGOSTINHO...

IGREJA MATRIZ DE LOURES R...

IGREJA MATRIZ DE LOURES R...

PAN QUER MITIGAR IMPACTOS...

FRANCISCO GUERREIRO É O C...

METRO DE LISBOA ACOLHE AL...

PAN LISBOA QUER OBSERVATÓ...

CASA DO CONCELHO DE TOMAR...

PAN QUER ALTERAR CÓDIGO P...

QUEM PODE EM LISBOA CIRCU...

PADRE HIMALAYA VIVEU NA A...

JARDIM ZOOLÓGICO ESTÁ NA ...

METRO DE LISBOA CELEBRA O...

arquivos

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

tags

todas as tags

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds