Blogue de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes de Lisboa e arredores
Sábado, 21 de Outubro de 2017
PROF. DOUTOR DANIEL CAFÉ, PRESIDENTE DA FEDERAÇÃO DO FOLCLORE PORTUGUÊS, APRESENTOU HOJE EM LOURES OS PROJECTOS PARA O FUTURO DO MOVIMENTO FOLCLÓRICO NACIONAL

Iniciativa do Grupo Folclórico Verde Minho constituiu um sucesso

O Presidente da Direcção da Federação do Folclore Português, Dr. Daniel Café, esteve esta tarde em Loures a falar acerca dos “40 Anos da Federação do Folclore Português: O Presente, o Passado e o Futuro do Movimento do Folclore Nacional”.

22752499_1589116997798630_500729937_n

Além do ilustre palestrante, a conferência contou com a participação de ilustres convidados, destacando-se de entre eles o Dr. Afredo Santos, Chefe da Divisão da Cultura, Desporto e Juventude da Câmara Municipal de Loures, o Dr. Augusto Flor, Presidente da Direcção da Confederação Portuguesa das Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto, o Prof. Doutor Manuel Antunes, Director e Fundador do Museu Etnográfico de Vilarinho da Furna e um dos próximos palestrantes em Loures, dirigentes e conselheiros técnicos regionaise e representantes de diversos grupos folclóricos da região da grande Lisboa.

A iniciativa do Grupo Folclórico Verde Minho resultou num grandioso êxito, tendo em consideração as características do evento, geralmente menos participadas do que os festivais de folclore, mas nem por isso menos dignas e de interesse.

Também o jornal “Folclore” na pessoa de Manuel João Barbosa constituiu uma presença que foi vista com enorme agrado pela entidade organizadora da conferência.

Ao invés, a ausência notada de alguns grupos a quem foram endereçados convites foi encarada com desagrado pois representou um claro gesto de desconsideração ao conferencista que percorreu uma enorme distância para se encontrar com os grupos folclóricos – afinal de contas, não se entende muito bem o que essas entidades procuram da Federação do Folclore Português quando lhes bate à porta!

Numa autêntica lição de História, o Prof. Doutor Daniel Café descreveu o percurso histórico do associativismo folclórico desde as suas origens, as influências do Romantismo e os estereotipos criados durante o Estado Novo, o surgimento da Federação do Folclore Português e o seu crescimento e representação ao longo de quatro décadas. De igual modo, retratou a situação actual do movimento folclórico português e as suas perspectivas de futuro, os projectos e as vantagens económicas que têm vindo a ser criadas para os seus associados.

De registar ainda o espírito de abertura que a Federação do Folclore Português tem vindo a assumir em relação aos grupos ainda não federados e a disponibilidade para ajudá-los a melhorar o seu desempenho e representação.

Na próxima edição da revista “Verde Minho” a ser editada por ocasião do FolkLoures’18 será publicado um resumo da conferência proferida pelo Dr. Daniel Cafés, aliás à semelhança de outras conferências que foram já realizadas.

Por seu turno, o Dr. Augusto Flor, Presidente da Direcção da Confederação Portuguesa das Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto, lembrou a importância do movimento folclórico no contexto do associativismo popular, a importância da sua representação e ainda o seu impacto em termos de economia social.

Coube, naturalmente, ao Presidente do Grupo Folclórico Verde Minho, como entidade organizadora do evento, proferir as palavras de abertura da sessão, as quais a seguir reproduzimos na íntegra.

“Exmº Senhor

Prof. Doutor Daniel Café, Digmº Presidente da Federação do Folclore Português

Dr. Afredo Santos, Chefe da Divisão da Cultura, Desporto e Juventude da Câmara Municipal de Loures

Dr. Augusto Flor, Presidente da Direcção da Confederação Portuguesa das Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto

Estimados convidados,

Minhas senhoras e meus senhores,

As minhas primeiras palavras são para agradecer a honra que o Dr. Daniel Café, Digníssimo Presidente da Federação do Folclore Português, nos concede ao aceder ao nosso convite para que viesse até nós proferir esta conferência acerca daquilo que mais nos anima: o folclore!

O Grupo Folclórico Verde Minho não pretende apenas subir ao palco para cantar e dançar. Pretende também promover a reflexão e o debate acerca de todos os aspectos relacionados com o folclore, assim entendido da forma mais abrangente. A sabedoria popular não se esgota no canto e na dança. É por essa razão que tem vindo a organizar diversas conferências sobre os temas mais diversos, sempre relacionados com a cultura popular. E assim prosseguirá!

O Grupo Folclórico Verde Minho está a encetar uma caminhada que esperamos venha a contribuir também para que o concelho de Loures alcance o destaque que lhe é merecido como grande palco do folclore português e de todo o mundo, com especial atenção para as comunidades imigrantes. É nessa linha que organiza o FolkLoures – um Encontro de Culturas – um abraço fraterno entre os povos!

O Grupo Folclórico Verde Minho, assumindo uma atitude humilde e autocrítica, procura a cada passo melhorar a sua própria representação e para tal necessita da ajuda de todos, a começar pela própria Federação do Folclore Português. Pretende-se atingir o mais rápido possível o mais elevado patamar de qualidade e rigor na sua representação!

Minhas senhoras e meus senhores,

Não pretendo alongar-me mais pelo que a partir deste momento, tem o Dr. Daniel Café o uso da palavra. É para ouvi-lo que todos nós aqui estamos!”

A iniciativa contou com o apoio da Câmara Municipal de Loures e teve lugar no Palácio dos Marqueses da Praia e Monforte, local onde habitualmente se reúne a Assembleia Municipal de Loures.

Fotos: Manuel Santos

22539877_1589083037802026_9002403588631719664_n

22539957_1589082811135382_7378975878210874112_n

22549687_1589079664469030_2549052356214796468_n

22549827_1589086341135029_9012000348385200072_n

22550057_1589078857802444_6884065570517735502_n

22552563_1589082404468756_7653318938389892236_n

22552758_1589086051135058_8490635991135560962_n

22552807_1589079171135746_1026638616289295263_n

22552862_1589083134468683_7385041795508071039_n

22554853_1589111737799156_636968398254036703_n

22554879_1589111497799180_831930289859861396_n

22555028_1589085771135086_780293522606946773_n

22555207_1589085684468428_371682232367627226_n

22555221_1589082731135390_5837603234681010845_n

22686579_1589117061131957_1585405168_n

22687884_1589111607799169_260335662323258850_n

22688019_1589086024468394_7472258753400682454_n

22688475_1589086557801674_931681754076405353_n

22688584_1589083054468691_4116501830854084487_n

22711274_1589117101131953_1469296049_n

22729060_1589111384465858_7603647347695334552_n

22729102_1589086257801704_7733437069800948551_n

22752525_1589117087798621_1849930608_n 



publicado por Carlos Gomes às 23:01
link do post | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
13
14
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

GOESES DANÇAM NA CASA DAS...

PAN TOMA POSIÇÃO EM RELAÇ...

PAN QUER DESPENALIZAR EUT...

PAN QUER CORREDORES E ABR...

LUÍS ESTEVES, PRESIDENTE ...

PAN PEDE REVOGAÇÃO DA AUT...

PAN QUER AUDIÇÕES URGENTE...

PAN PEDE AUDIÇÃO SOBRE O ...

PAN AVANÇA COM AS PRIMEIR...

PAN QUESTIONA O GOVERNO S...

METRO LEVA CINEMA AO CAIS...

BANDAS FILARMÓNICAS DESFI...

TOMARENSES CONFRATERNIZAM...

METROPOLITANO DE LISBOA A...

PROGRAMA DE GOVERNO ACOLH...

CASA DO CONCELHO DE TOMAR...

PAN QUER PORTUGAL A SEGUI...

METRO DE LISBOA ASSINALA ...

METRO CELEBRA DIA MUNDIAL...

O QUE DISSE ANDRÉ SILVA, ...

METRO CELEBRA DIA MUNDIAL...

METRO DE LISBOA APOSTA NA...

METROPOLITANO DE LISBOA R...

ESTUDO DA INTRUM REVELA Q...

JORNADAS EUROPEIAS DO PAT...

METRO DE LISBOA ADERE À D...

OUTLOOK DO RATING DO METR...

TOMARENSES EM LISBOA CONF...

FEDERAÇÃO DO FOLCLORE POR...

CASA DO CONCELHO DE TOMAR...

ALFRAGIDE REALIZA FEIRA S...

ALDEIAS DE CRIANÇAS SOS C...

METRO REALIZA CONCURSO DE...

FEDERAÇÃO DO FOLCLORE POR...

METRO DE LISBOA REFORÇA P...

MOVIMENTOS CÍVICOS CONTRA...

METROPOLITANO DE LISBOA V...

METRO DE LISBOA ASSINALA ...

CENTRO NACIONAL DE CULTUR...

PAN APRESENTA PROGRAMA EL...

METRO DE LISBOA COMEMORA ...

ARGANILENSES EM LISBOA RE...

PAN INSTA GOVERNO A INTER...

PAN CONTESTA ENCONTRO EM ...

PAN ENTREGA LISTA DE CAND...

ESTAÇÃO BAIXA-CHIADO CELE...

COMUNIDADE ROMENA DA REGI...

INVESTIGAÇÃO DA UNIVERSID...

ALFRAGIDE REALIZA FESTIVA...

PAN ANUNCIA CABEÇAS DE LI...

arquivos

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

tags

todas as tags

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds